Em debate, a masculinidade nos dias atuais

Publicação: 2018-06-14 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O projeto “Quem pergunta quer resposta” promove a sua segunda edição nesta quinta-feira (14). A palestra será ministrada pelo professor Durval Muniz de Albuquerque Júnior, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e autor dos livros “A Invenção do Nordeste e outras artes“ e ”Nordestino: a Invenção do Falo (uma história do gênero masculino - Nordeste 1920-1940)”.

Com o tema “Os nomes do pai: a edipianização dos sujeitos e a produção histórica das masculinidades”, a ideia é discutir a questão da masculinidade nos dias atuais, propondo uma reflexão aliada à cultura nordestina, que por ser uma construção social, de acordo com os organizadores do evento, acabou por criar uma série de clichês sobre o nordestino, em especial, na formação da paternidade.

“Quais homens e quais mulheres a gente está querendo constituir para a sociedade desse tempo? A gente precisa de outro modelo, de educação, de investimento na discussão de gênero para construir, porque o masculino não é uma questão biológica. O ser humano é fruto de construções históricas sociais e culturais. É extremamente importante revisitar esses modelos. […] “Vai passar pela reflexão desse homem bruto, do homem rude, de  bater nos filhos, da masculinidade sustentada na base da violência. E aí a gente vai formando uma masculinidade que hoje se chama de tóxica”, comenta Ana Paula Felizardo, coordenadora da ONG Resposta, entidade à frente do projeto.

A ONG Resposta, entidade não -governamental engajada em questões dos direitos da criança e do adolescente, passou a promover o projeto em maio deste ano. A ideia é fazer uma palestra, sempre às quintas-feiras, para discutir questões de interesse da sociedade  de uma forma acessível, atingindo diversos segmentos.

Serviço
Horário: 19h

Local: Saraiva do Midway Mall

Entrada gratuita

Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail: quemperguntaquerresposta@gmail.com


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários