Em Mossoró, mil pessoas saem às ruas em protesto

Publicação: 2013-06-19 00:00:00 | Comentários: 1
A+ A-
Centenas de estudantes de várias instituições públicas e privadas realizaram protesto denominado “Movimento Pau de Arara” nesta terça-feira, 18, e deram início às mobilizações de rua programadas para Mossoró.
carlos costaEm Mossoró, movimento teve à frente os diretórios centrais dos estudantes da UERN e Ufersa, além de grêmios estudantis do IFRNEm Mossoró, movimento teve à frente os diretórios centrais dos estudantes da UERN e Ufersa, além de grêmios estudantis do IFRN

O movimento teve à frente os diretórios centrais dos estudantes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA), os grêmios estudantis do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e das escolas estaduais Abel Coelho e Eliseu Viana e contou com o apoio de outras instituições e sociedade civil em geral.

O objetivo foi reivindicar a implantação da lei municipal de mobilidade urbana e, de forma emergencial, melhorias nos serviços de transporte público.  Os estudantes reclamam que os ônibus estão sucateados e que a oferta de linhas que passam pelas universidades, por exemplo, é mínima. “O ônibus passa apenas em horários fixos e se o estudante perder vai ter que buscar outro meio de transporte para ir para a universidade ou voltar pra casa”, relata o estudante de comunicação social da Uern, Júnior Medeiros. 

O presidente do DCE da Uern, Max Medeiros, observa que a má qualidade do transporte público é uma reclamação antiga dos estudantes. “Há tempos que esperamos por solução e, mesmo com muitas promessas, nada foi feito”, afirmou.

Os estudantes iniciaram o protesto às 7h com concentração na Praça do Pax, de onde saíram percorrendo ruas do Centro até chegarem em frente ao Palácio da Resistência, sede da Prefeitura de Mossoró. Neste local, eles solicitaram a presença da prefeita Cláudia Regina (que estava em Natal) e cantaram o hino nacional brasileiro. O protesto foi encerrado por volta das 10 horas com a retirada dos estudantes da Câmara dos Vereadores.

Os estudantes voltam às ruas nesta quinta-feira, 20, às 16h. Ontem, a prefeita de Mossoró, Claúdia Regina, não se pronunciou acerca das mobilizações.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários

  • pvictorcr

    Você acha que os ônibus em Natal são sucateados? E se soubesse que os ônibus de Mossoró são os de Natal que saem de circulação? Parabéns aos estudantes mossoroenses que deram um sopro de civilidade na pequena província/reduto feudal Rosado. Transporte público em Mossoró praticamente inexiste.