Entidades se mobilizam

Publicação: 2019-09-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Antonio Roberto Rocha
antonioroberto@tribunadonorte.com.br

A Abav Expo é um espaço de união de entidades representativas dos mais diferentes segmentos do turismo, todas unidas em prol da valorização do setor e do papel do agente de viagens. Braztoa, Airtkt, Clia Brasil e Abracorp se preparam para a edição 2019, que acontece de 25 a 27 de setembro no Expo Center Norte, em São Paulo, trazendo novidades e mostrando a força do evento para toda a cadeia do turismo.
Co-organizadora do evento, a Braztoa levará para o seu Encontro Comercial Braztoa o maior número de operadoras associadas já reunidos em feiras do setor – 40 já estão confirmadas. Nesta edição da Abav Expo, a entidade ainda apresentará seu novo aplicativo Midiacode, que servirá como um canal de comunicação entre agentes de viagem e parceiros, durante e depois da feira.

Também será destaque deste ano o Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2019/2020, cujos finalistas serão reconhecidos publicamente em anúncio durante o evento. "Operadoras e agentes de viagens são grandes parceiras que trabalham pelo sucesso dos seus negócios e, consequentemente, pelo crescimento do setor de turismo e da economia do Brasil. Nesta edição, levaremos experiências, capacitações, palestras e cuidaremos das caravanas que levarão centenas de agentes ao evento", afirma Roberto Neldeciu, presidente da Braztoa.

Já a Airtkt reunirá um time de consolidadores em um estande de 130m² com duas salas de reunião de negócios, em um ambiente propício para networking. Entre os participantes, estarão os parceiros Air France/KLM, Delta, Gol e Latam, equipes do Cartão Elo e Amadeus. "Para os associados da Airtkt, a ABAV Expo é o lugar onde conseguem contato com o maior número de agentes em um curto espaço de tempo. O nosso foco é o agente de viagem e ele está no evento para fazer negócio, e nós estaremos lá para ele", afirma Ralf Aasmman, diretor-executivo da entidade.

Representando o setor de cruzeiros, que somente na temporada 2018/2019 movimentou mais de R$ 2 bilhões e gerou aproximadamente 30 mil empregos, a Clia marcará presença com um estande com grandes armadoras. "Estar na Abav Expo, em contato direto com os agentes de viagens, que respondem por 85% das vendas de cruzeiros no país, levando as novidades e diferenciais das próximas temporadas, será uma ação que alavancará ainda mais os números do setor, que tem grande impacto na economia nacional", afirma Marco Ferraz, presidente-executivo da Clia Brasil.

Já o setor de viagens corporativas ganha destaque na Ilha Corporativa Abracorp com espaço de 312m² dividido em cinco lounges e 12 módulos, além de abrigar um studio de rádio do Grupo Bandeirantes. Serão 18 expositores, entre eles B2B Reservas, Reserve, CPV, Grupo Bisutti, JacksPilon, Bolshoi, GJP Hotéis, SG Mobile e BMR, Wex.

Abav tem 2,2 mil associadas
Com crescente força política, a Abav Nacional está presente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. No Rio Grande do Norte, é presidida por Abdon Gosson (Arituba Turismo, Hotel Arituba e Best Western Premier Majestic). Sua base é composta por 2,2 mil empresas associadas, entre agências de viagens, operadoras e consolidadoras, que juntas respondem por cerca de 80% de toda a movimentação de vendas do setor no país.

A entidade tem sua imagem fortalecida por meio de iniciativas do seu Instituto de Capacitação e Certificação (Iccabav), como promoção de cursos, palestras, estudos e convênios de cooperação, assim como na gestão e curadoria da Vila do Saber, o espaço dedicado à difusão do conhecimento e à capacitação profissional integrado à programação da Abav Expo. Globalmente, a Abav está integrada à World Travel Agents Association Alliance (WTAAA) e ao Fórum Latino-Americano de Turismo (Folatur).

Nordeste continua em alta
A região mais ensolarada do Brasil teve a sua grande vocação turística como a maior razão da visita de estrangeiros no ano passado. Segundo o estudo da Demanda Turística Internacional no Brasil, encomendado pelo Ministério do Turismo à Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), sol e praia foram as principais motivações da estada de viajantes a lazer no Nordeste, com índices que variam de 69,6% a 92,9%.

Entre os destinos campeões, destaque para as cidades de Maceió e Maragogi, em Alagoas; Salvador e Mata de São João, na Bahia; Fortaleza e Jijoca de Jericoacoara, no Ceará; Ipojuca e Recife, em Pernambuco, e Natal e Tibau do Sul, no Rio Grande do Norte. A percepção positiva dos estrangeiros também consagrou outro atributo típico da região: a gastronomia, aprovada com médias de 90,8% a 96,5%.

A hospitalidade é outro traço da região que salta aos olhos dos estrangeiros. Segundo o estudo, a boa avaliação da receptividade local atingiu percentuais de 97,3% a 99,4% de aprovação. A Argentina foi o país que mais enviou visitantes ao Nordeste, seguida de Uruguai e Chile. A maioria dos visitantes se hospedou em hotéis, flats ou pousadas, com um índice superior a 53%.

Outro dado que chama a atenção no levantamento é a intenção de retorno ao Brasil manifestada por estrangeiros que percorreram a região. O estudo aponta um percentual acima de 95%, sendo que mais de mais de 72% deles já haviam estado no país anteriormente.

A pesquisa, realizada ao longo de 2018 com 39 mil turistas de outras nacionalidades, revelou que a experiência turística no Brasil superou ou atendeu plenamente a expectativa de 87,7% dos entrevistados, e 95,4% pretendem voltar ao país. No ano passado, o Brasil registrou 6.621.376 chegadas internacionais, um crescimento de 0,5% em relação a 2017 (6.588.770).

O número de visitantes provenientes das quatro nações então beneficiadas com a adoção do visto eletrônico - Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão - cresceu 15,73%. Os canadenses foram os que mais aproveitaram a vantagem, com um salto de 45,3%, seguidos dos australianos (24,7%), norte-americanos (13,3%) e japoneses (5,5%). Desde 17 de junho de 2019, cidadãos desses países estão isentos da exigência do documento.



continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários