Equipes acham que este é o ano do estado

Publicação: 2018-07-22 00:00:00
Sobre as expectativas para a competição deste ano, o tom adotado pelos head-coachs das equipes é parecido: preparação, qualificação e o ano do “agora vai”. As três equipes esperam fazer uma boa temporada e quem sabe, chegar aos playoffs da conferência, o que pode credenciar os times ao playoff nacional.

Créditos: Divulgação/Ufersa PetroleirosUfersa em ação no Nogueirão: em 2017 foram três vitórias em três jogos em MossoróUfersa em ação no Nogueirão: em 2017 foram três vitórias em três jogos em Mossoró
Ufersa em ação no Nogueirão: em 2017 foram três vitórias em três jogos em Mossoró

saiba mais


“Eu acredito que o ano que a gente entra mais preparado é esse. A gente agregou alguns atletas novos e a diferença grande são os americanos que tínhamos ano passado. Mas acho que com a evolução que a gente teve na parte técnica e tática, acredito que a gente está bem mais preparado do que o ano passado. Acredito que a gente briga para se classificar para os playoffs”, comenta”, afirma Armando Melo, head coach do Petroleiros. 

Quem aposta na manutenção do elenco é o Bulls Potiguares, que manteve a base do ano passado e trouxe jogadores experientes para a atual temporada. De acordo com Rafael Natan, a equipe corrigiu os erros do ano passado e o ano de 2018 tem de tudo para ser “um ano fantástico”.
“O Bulls é uma equipe tradicional do FA e teve mudanças no sistema de jogo, então o time demorou a se adaptar. Mas esse ano, como o time está mais ajustado e tiveram boas contratações, tem tudo para ser um ano fantástico para gente. Temos dois americanos que é o QB Omar Kharroub, que já jogou com a gente e running-back Ray Bradley, corredor e liderou a liga em jardas corridas no ano passado.”

Créditos: Alan Lira/DivulgaçãoBulls busca momento de consolidação e quer chegar aos playoffsBulls busca momento de consolidação e quer chegar aos playoffs
Bulls busca momento de consolidação e quer chegar aos playoffs

Disputando a primeira divisão pela primeira vez na história, o Natal Scorpions conta com Eliezer Pires no comando da equipe. De acordo com ele, o pensamento deve ser seguido “jogo a jogo” e garante que o objetivo inicial é permanecer na elite do futebol americano. No entanto, alçar novos voos não está descartado para o time natalense.

“O objetivo principal é ir conquistando um jogo de cada vez e se os playoffs vierem, será consequência do nosso trabalho. O objetivo, a princípio, é se manter na primeira divisão, até porque temos a consciência de que estamos chegando agora e precisamos se adaptar, é um nível diferente. Vamos manter os pés no chão para fazer o nosso trabalho”, comenta Eliezer Pires.

Créditos: DivulgaçãoNatal Scorpions é o atual campeão da divisão de acesso à BFA, elite do futebol americano brasileiroNatal Scorpions é o atual campeão da divisão de acesso à BFA, elite do futebol americano brasileiro
Natal Scorpions é o atual campeão da divisão de acesso à BFA, elite do futebol americano brasileiro

Quebrando barreiras e sendo pioneiro num esporte que cada vez mais ganha adeptos no Brasil, os potiguares Bulls, Petroleiros e Scorpions querem continuar avançando jardas num jogo onde a conquista de território é o essencial. Driblando as dificuldades e correndo dos adversários, o objetivo será apenas um: chegar à end zone.

Leia também: