Espaço seguro

Publicação: 2018-03-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Quando leu a sinopse de “O Outro Lado do Paraíso”, Eriberto Leão decidiu confiar nos caminhos escritos por Walcyr Carrasco. Apesar de toda a leitura e pesquisa que fez para interpretar o psiquiatra Samuel, o ator de 45 anos também optou por seguir o texto do autor o máximo possível. “Saltei em um precipício. Confio muito no autor e na direção. Fui tendo muito cuidado para construir um personagem com bastante verdade”, explica.

O ator Eriberto Leão é um dos destaques da novela O Outro Lado do Paraíso
O ator Eriberto Leão é um dos destaques da novela 'O Outro Lado do Paraíso'

Após ter sua relação com Cido, papel de Rafael Zulu, exposta por Clara, interpretada por Bianca Bin, Samuel decide se separar da esposa Suzy, vivida por Ellen Rocche, e assumir seu romance com o motorista. Porém, o médico vê sua relação ficar conturbada com a descoberta da gravidez de risco da ex-esposa, formando um cômico triangulo. “Vários sentimentos surgem. Ele gosta da Suzy e já até falou isso para a mãe, por mais que não tenha o prazer ou afeto que tem com o Cido. Depois de toda essa situação com a Clara, ele está mais aberto para sentir suas emoções sem barreiras ou punições”, afirma Eriberto, que acredita que a novela exponha assuntos atuais da sociedade. “A trama fala de várias outras temáticas que permeiam as famílias brasileiras e são negadas, escondidas para baixo do tapete, como foi o caso da violência doméstica, por exemplo”, completa.

Disputa de família
Flávia Alessandra, Otaviano Costa, Rafael Zulu, Mariana Rios e Ricardo Pereira são alguns dos convidados da próxima temporada de “Tamanho Família”. Os músicos da Família Lima seguem na produção. A estreia está prevista para 15 de abril.

Participação confirmada
Susana Ribeiro irá participar da série “Assédio”, da Globo. O último trabalho da atriz na tevê foi em “A Lei do Amor”. Com estreia prevista para o ano que vem, a produção está na reta final das gravações.

Caso de adultério
Nos próximos capítulos de “Deus Salve o Rei”, Rodolfo, papel de Johnny Massaro, continuará seu plano para concretizar sua aliança com Catarina, interpretada por Bruna Marquezine. Visando casar com a princesa de Artena, o rei de Montemor fabricará uma traição de Lucrécia, de Tatá Werneck, para se separar da esposa. Em cenas previstas para irem ao ar a partir desta terça, o soberano investirá para que a rainha se envolva com outra pessoa. “Rodolfo nunca quis ser rei e nem foi preparado para isso. Mas acabou sendo seduzido pelo poder. Construímos um personagem humano e complexo. Ou seja, com fases diferentes, virtudes e méritos”, explica Daniel Adjafre, que assina o texto da novela.

Saindo por cima
Sérgio Moro será o último entrevistado de Augusto Nunes no “Roda Viva”, da TV Cultura. A despedida do jornalista está marcada para o próximo dia 26. Será a primeira entrevista ao vivo do juiz para um canal de tevê.

Ponto alto
A estreia do programa “Música na Band”, na última sexta, elevou a audiência da emissora em 83% no horário das 22h24 às 23h56 em comparação à audiência da faixa nas sextas de 2018. O show Cabaré, dos cantores Leonardo e Eduardo Costa, registrou 3,3 pontos.

Foi bem
Para a edição especial de aniversário do “Manhattan Connection”, da GloboNews. O programa relembrou momentos importantes da produção e contou com depoimentos de nomes relevantes, como Pedro Bial, Fernanda Torres e Fernando Henrique Cardoso.

Foi mal  
Para o tom de comédia pastelão das vinganças de Clara, papel de Bianca Bin em “O Outro Lado do Paraíso”. Com texto duvidoso e uma direção pouco afiada, as sequências em que a mocinha se vinga de seus algozes ganham ares de humor escrachado de uma forma desnecessária.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários