EUA: Trump volta a dizer que democratas tentam fraudar eleição

Publicação: 2020-09-27 08:11:00
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na noite deste sábado que a oposição democrata estaria trabalhando para fraudar a eleição de 3 de novembro. Ele disse que há relatos de cédulas de democratas que aparecem em dobro, de sumiço de votos republicanos e outros problemas no processo. Com a pandemia, muitos americanos votarão pelos correios, o que Trump vê com ressalvas, sob o argumento de que dá mais margem a fraudes.

Créditos: Evan Vucci/Associated Press

As declarações foram realizadas durante comício em um aeroporto em Middletown, Pensilvânia. Trump também defendeu a indicação feita mais cedo de Amy Coney Barrett para a Suprema Corte. Segundo o presidente, a oposição deseja "acabar com a segunda emenda", que permite a legítima defesa e o uso de armas, e também, segundo ele, gostaria de permitir o aborto na etapa final da gravidez e abolir a pena de morte em todos os casos.

Em sua fala, Trump prometeu uma retomada econômica forte e também defendeu sua estratégia para enfrentar a pandemia, que, segundo o mandatário, teria salvado milhões de vidas. Ele ainda voltou a mostrar otimismo com a perspectiva de uma vacina para a covid-19 em breve, dizendo que ela deverá vir "em tempo recorde" mas sem citar datas específicas.

Estadão Conteúdo