Fábio Dantas confirma filiação ao PSB e pré-candidatura ao governo

Publicação: 2018-03-02 13:08:00 | Comentários: 0
A+ A-
Aldemar Freire
Editor
Valdir Julião
Repórter

O vice-governador Fábio Dantas vai se filiar ao PSB no dia 17 de março. Ele está rompido politicamente com o governador Robinson Faria (PSD) e deverá ser candidato a governador. A confirmação dessas informações foi feita nesta sexta-feira, à TRIBUNA DO NORTE, pelo próprio Fábio Dantas.
Vice-governador do Estado, Fábio Dantas, durante entrevista
Fábio Dantas deixará o PCdoB

“Vou me filiar ao PSB no dia 17. Faremos um evento, em Natal, marcando essa filiação”, disse Fábio Dantas, na Assembleia Legislativa, depois de participar das homenagens ao ex-prefeito de Caicó e ex-deputado Manoel Torres. 

Fábio Dantas disse que aceitou, ao fazer a opção pelo Partido Socialista Brasileiro, um convite da direção nacional da legenda. “Foi um partido, além de fazer o convite, mostrou uma preocupação com a eleição de governador. A maioria [das legendas partidárias] só se preocupam mais com a campanha de deputado. Além disso, aqui no Estado, e particularmente em Natal, o PSB tem história, com inúmeras realizações. E está na mesma linha [política] que eu estou”, disse o vice-governador.

Fábio Dantas é, atualmente, filiado ao PCdoB e foi eleito vice-governador, em uma aliança com o governador Robinson Faria, do PSD. Ele já avisou, em uma conversa com o deputado Fábio Faria (PSD), filho de Robinson e também do PSD, a decisão de deixar a base aliada e concorrer ao governo. As informações de fonte do partido do governador são de que ele pretende concorrer à reeleição.

Fábio Dantas deixa o PCdoB  e faz essa nova opção partidária, além de articular uma aliança que viabilize a candidatura do Governo.

O vice-governador acrescentou que a confirmação oficial de candidaturas será, de acordo com o calendário da Justiça Eleitoral, com as convenções, em julho, mas afirmou que está disposto a fazer as articulações e manter o diálogo necessário para que possa ser candidato.

“Eu tenho que colocar meu nome à disposição para a sociedade possa avaliar”, afirmou. Ele disse que não tem interesse em uma candidatura ao Senado. “Foco agora é no Governo do Estado”, garantiu.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários