Fim de Semana
FDS Poético
Publicado: 00:00:00 - 13/03/2020 Atualizado: 21:36:05 - 12/03/2020
Cearense criada em Natal, Marina Rabelo sempre viveu rodeada por palavras. A falta de mais espaços para outros que apreciam a leitura e a escrita serviu de incentivo para a criação do Sarau Insurgências Poéticas, em 2016, um encontro itinerante de poetas, escritores e boêmios em torno da palavra. O projeto percorre diferentes lugares da cidade, e também serve como um guia dos lugares favoritos de Marina. Um poema para cada fim de semana.

Diogo Ferreira
Marina Rabelo, poeta, escritora, engenheira

Marina Rabelo, poeta, escritora, engenheira



“O trabalho com o Sarau me fez ter oportunidade de conhecer lugares que abraçam uma programação artística e cultural que muito me agrada quando penso em sair. Um lugar que frequento bastante, um 'pequeno circuito afetivo/etílico/poético' que  pode começar pelo Bar do Pedrinho, passando pelo samba às quintas-feiras, no Bar da Nazaré, dando uma espiada no Beco da Lama e no sempre movimentado Bar da Meladinha, onde  se encontra essa iguaria da cidade.

Depois, a pedida é o Bardallos, onde além de oferecer uma vasta programação artística, o cardápio é muito convidativo quando se quer forrar o estômago para continuar a noite. Gosto do arrumadinho e das famosas omeletes. Se ainda estiver no pique, encerro a noite no Bar do Naldo, por trás da Igreja do Galo, comendo uma deliciosa macaxeira com carne de sol.

Fora desse circuito, costumo ir, mas não com tanta frequência, no Mahalila Café & Livros, em Potilândia, no Bar.co em Candelária e no Abayomi, no Tirol. E pra não dizer que só falei em bares, também gosto muito de ver o crescimento de algumas feiras/festivais multiartísticos, como o Burburinho Festival de Artes, a Eco Praça e a Feira Na Calçada, da minha amiga Carlota Nogueira, que vem fazendo um movimento em frente ao seu Estúdio, em Candelária.

Quando criança eu frequentava muito a praia de Ponta Negra, mas hoje já não vou tanto quanto gostaria, mas ainda assim é a minha praia do coração. De vez em quando, em algum domingo bonito de sol, vou pelo litoral sul dando uma relembrada do quanto amo morar neste lugar e a parada sempre obrigatória é a Casa da Tapioca, na Barra de Tabatinga.

Cinema é uma das minhas paixões. Tenho um olhar atento para as novidades e gosto muito de ver filmes alternativos, muitas vezes fora do circuito comercial, e por isso vejo muito em casa. Minhas dicas de filmes: 'Em Chamas', do diretor Lee Chang-Dong; 'Corpo e Alma', da diretora Ildikó Enyedi, 'Gosto de Cereja', do diretor e poeta, Abbas Kiarostami; e um clássico, 'Noites de Cabíria', do Fellini.

Minhas leituras giram muito em torno da poesia, indico qualquer livro das poetas Wis?awa Szymborska e Hilda Hilst, e uma ótima leitura para o fim de semana é o livro 'Só Garotos', da Patti Smith.”





Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte