Natal
Fiéis se preparam para festa em memória dos mártires
Publicado: 00:00:00 - 02/10/2009 Atualizado: 20:28:20 - 01/10/2009
Católicos do Rio Grande do Norte se preparam para o feriado em memória dos mártires de Cunhaú e Uruaçú, que ocorrerá amanhã. Há três anos em vigor, a lei 8.913, de seis de dezembro de 2006, instituiu o feriado estadual para lembrar o massacre de dezenas de pessoas que participavam de uma missa, no ano de 1946. Hoje, eles são considerados primeiros mártires do Brasil reconhecidos oficialmente pela Igreja.

Entre os mortos por holandeses e índios tapuias e potiguares em defesa da fá católica, estavam os padres André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro, Mateus Moreira. A intolerância religiosa teria sido o motivo da matança.

Para comemorar a data, a Igreja Católica  inaugurará o Santuário dos Mártires, localizado na rua Miguel Castro, bairro de Nazaré.  O arcebispo Dom Matias Patrício de Macêdo celebrará uma missa, às 8h. A partir do dia 12, o local será transformado na nova Paróquia da comunidade.

Hoje também a comunidade de Nazaré encerra os festejos aos mártires. Desde o dia 24 de setembro, os fiéis realizam novenas todas as noites.

Em Uruaçu, a festa dos Bem-aventurados Mártires de Uruaçú e Cunhaú ocorre a partir das 13h. Na ocasião, haverá reza de terços e shows com cantores da Arquidiocese. Dom Matias celebrará uma missa a partir das 17h.

Homenagem

As festividades em homenagem aos Padroeiros do RN terão uma novidade este ano. Amanhã será encenado o Auto dos Mártires. O espetáculo está sendo produzido pela Fundação Municipal de Cultura de São Gonçalo do Amarante e fará parte da programação religiosa de culto aos Beatos de Uruaçu e Cunhaú.

O auto vai contar a história de fé, devoção e massacre vivida por cristãos, filhos de São Gonçalo do Amarante, que lutaram contra a opressão holandesa. O roteiro foi escrito pelos pesquisadores Moacir Farias e Júnior Gomes com adaptação da professora Ivani Machado.

Para a direção do espetáculo foi convidado o teatrólogo Costa Filho que tem a missão de trabalhar com um grupo de 80 atores do município. A maioria é de estudantes de escolas públicas, jovens entusiasmados por estarem tendo a oportunidade de encenar esse grande acontecimento histórico.

A duração do espetáculo é de 45 minutos e contará com uma trilha sonora criada especialmente para a montagem pelo músico França de Lima e percussão de D`Ney Teixeira. Os figurinos estão sendo produzidos por artistas locais sob a orientação de Ivani Machado e os cenários são assinados por Fernando Júnior e Irani Machado.

Novidade

O Auto dos Mártires trará uma novidade na concepção teatral dos espetáculos que seguem essa linha. O papel de Nossa Senhora será encenado por uma jovem negra, escolhida de forma proposital, para fazer alusão à padroeira do Brasil Nossa Senhora Aparecida.

O custo total com a montagem do espetáculo é R$ 60 mil reais, um investimento feito para divulgar a história do município e o potencial turístico e religioso do município de  São Gonçalo do Amarante. A apresentação do auto está prevista para acontecer às 19h no Monumento dos Mártires, na comunidade de Uruaçu.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte