Fim de semana de diversões solares

Publicação: 2017-08-04 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O músico Yves Fernandes gosta de paisagens ensolaradas. Isso combina com fim de semana e também com a música que ele toca na banda Camarones Orquestra Guitarrística, cujo rock instrumental remete direto a ondas, areia de praia, pranchas, drinks refrescantes, e festa animada. Yves toca bateria no Camarones, e atua como músico há dez anos, além de também ser técnico de áudio no Estúdio DoSol. Ele ainda conduz o ritmo em outras bandas, como Talma & Gadelha, e projetos musicais diversos.

Quando não está tocando entre as muitas turnês do Camarones, Yves curte as praias da capital potiguar e adjacências. Adepto de filmes de animação, sanduíches artesanais, e um bom boteco, pode-se dizer que o lazer do músico é rock 'n roll com moderação. Siga o ritmo:

“Em Natal sou suspeito para falar, pois adoro o clima praiano da cidade e a faixa litorânea maravilhosa que contorna nossa cidade. Uma dica é a praia de Camurupim, no litoral sul.

Yves Fernandes Músico na banda Camarones Orquestra Guitarrística
Yves Fernandes, músico na banda Camarones Orquestra Guitarrística

Quando o assunto é comida, e um bom petisco, a dica infalível pra mim é ficar de olho na agenda do Carpano's Burger, dos amigos Andola Costa e Amilton Júnior. Eles funcionam na rua e divulgam  as datas e lugares onde vão estar pelas redes sociais. O 'Hamburgola', a especialidade da empresa, e é simplesmente delicioso.

Já para beber, topo a ida até a Avenida Itapetininga e tomar o 'Litrão' mais gelado da noite no Potiguar Bar do Zeca, próximo à biblioteca pública.

As Animações me fascinam e estou inclinado a ver qualquer uma. A última que vi, foi 'Rick and Morty', da Adultos Swim, e também está disponível  no Netflix. 

Uma leitura para o fim de semana é 'O Monstro das Sete Bocas', de Clotilde Tavares. Um romance que conta casos e se passa um dentro dos outros, seguindo um subgênero que vem das 'Mil e uma  Noites'.

Sinto falta da ocupação constante das ruas, praças e becos pelas pessoas e pela arte que tanto temos em nossa terra.”

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários