Flipipa resgata obra oswaldiana em eventos

Publicação: 2011-10-25 00:00:00
A programação da terceira edição do Festival Literário da Pipa, a ser realizada entre os dias 17 e 19 de novembro na mais cosmopolita das praias do litoral sul potiguar, traz à tona “A Literatura em Oswaldo Lamartine de Faria” – tema de uma das mesas de debates programada para a Tenda dos Escritores na quinta-feira (17), às 18h, dia de abertura do evento. O universo literário de Lamartine será revisto por Paulo Bezerra, médico, escritor e acadêmico, e pelo professor Edgar Dantas.

A literatura de Oswaldo Lamartine será tema do FlipipaConhecido por descrever o sertão com requinte e preciosismo, Oswaldo relatou  aspectos geográficos e ecológicos com poesia e apuro técnico, e foi capaz de transformar linguagem, costumes e tradições em literatura. Fonte de pesquisa para quem deseja compreender o ponto de vista do sertanejo sobre seu próprio habitat, a obra do escritor potiguar será visitada em quatro momentos: além do debate, o público também poderá conferir exibição de documentário sobre o autor, conhecer seu derradeiro livro “Notas de Carregação” e interagir com a instalação “O Sertão Oswaldiano”, criação da artista plástica Ângela Almeida.

Antes do debate, o documentário “Oswaldo Lamartine: O Príncipe do Sertão”, de Humberto Hermenegildo e Vilma Victor Cruz, que deve como ponto de partida uma entrevista concedida pelo sertanista em 2005, será exibido na sala audiovisual do EducaPipa. Já a instalação de Almeida ocupará a Casa das Palavras durante todo a realização do Flipipa 2011; e uma compilação de crônicas publicadas por Oswaldo Lamartine em jornais de Natal e Rio de Janeiro servem de recheio para o livro “Notas de Carregação”, o título organizado pelo autor que traz ilustrações do peruano Percy Lau. Vale ressaltar que Lamartine é reconhecido como o maior sertanista brasileiro por Rachel de Queiroz e Ariano Suassuna.