Foguete é lançado com sucesso no CLBI

Publicação: 2009-10-21 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A primeira etapa da Operação  FogTrein II, do Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI) foi realizada com sucesso. Na tarde de ontem, apesar do atraso, o lançamento do foguete modelo FTB (Foguete Básico de Treinamento) atingiu as expectativas da equipe, formada por 150 pessoas. “A operação começou com sucesso. O apogeu -altura - do foguete chegou a 32 km como o previsto e o equipamento caiu a 500 metros de distância do ponto determinado, que era 16 km da costa”, disse o coordenador geral da operação, o Tenente-Coronel-Aviador, Ricardo Rangel.

A previsão era que o foguete fosse lançado às 17h, mas poucos minutos antes  uma embarcação entrou na rota do equipamento e a operação teve que ser atrasada em 20 minutos. Algumas pessoas compareceram à Barreira para conferir o lançamento. Uma escola do município de Parnamirim levou seus alunos, que se divertiram bastante com o passeio. “Foi muito legal ver o lançamento do foguete. Eu nunca tinha visto. Vai ficar guardado para sempre na minha lembrança”, disse Rafael Isaac Alves de Oliveira, 10 anos.

 Um outro foguete será lançado. O objetivo dos lançamentos é desenvolver e certificar foguetes instrumentados para treinamento do CLBI e do Centro de Lançamento de Alcântara. “Essa operação faz parte de um projeto de certificação dos foguetes e se tudo der certo, esses lançamentos serão feitos a cada dois meses e com equipamentos maiores”, disse Rangel.

Cada foguete, de fabricação brasileira, chega a 4 mil quilômetros por hora, quase quatro vezes a velocidade do som (1,2 mil km/h), e custa R$60 mil. Eles foram desenvolvidos pela Avibras, que dar apoio ao evento juntamente com a Agência Espacial Brasileira.

As etapas que antecederam a execução da missão foram rigorosas. Primeiro foi realizado um ‘ensaio geral’, quando se coletou os tempos envolvidos em cada etapa de preparação. Depois é realizada uma cronologia simulada, com os tempos obtidos no ensaio.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários