Fotógrafo da Tribuna do Norte vence prêmio HSBC de Imprensa e Sustentabilidade

Publicação: 2013-10-30 16:00:00 | Comentários: 1
A+ A-
O fotógrafo Magnus Nascimento, da equipe da TRIBUNA DO NORTE, foi vencedor do 4º Prêmio Jornalistas&Cia/HSBC de Imprensa e Sustentabilidade no segmento Fotografia da categoria Mídia Nacional, com foto em matéria sobre estiagem no estado do Rio Grande do Norte. O prêmio recebeu 732 trabalhos, de 387 jornalistas. Ao todo, 79 foram selecionados para a etapa final.

Magnus Nascimento afirma estar feliz com o resultado, principalmente por ser um reconhecimento nacional. "Se o jornal ficasse apenas na final, já seria um prêmio porque concorremos com grandes nomes da imprensa nacional, como a Folha de São Paulo e o Estadão. Então ganhar foi o ápice de tudo isso", comemorou.
Magnus NascimentoRegistro do fotógrafo Magnus Nascimento foi vencedor do 4º Prêmio HSBC de Imprensa e Sustentabilidade na categoria Mídia Nacional - FotografiaRegistro do fotógrafo Magnus Nascimento foi vencedor do 4º Prêmio HSBC de Imprensa e Sustentabilidade na categoria Mídia Nacional - Fotografia

Depois de percorrer o interior e registrar de perto o sofrimento do homem do campo durante a estiagem, ele acredita que o material produzido conseguiu retratar a gravidade da situação.

“Muitas vezes nós não temos a real dimensão da gravidade de um problema que, para quem está na capital, parece tão distante. Estou feliz porque conseguimos mostrar ao leitor o que realmente se passava no sertão potiguar e também porque o trabalho foi reconhecido”, disse Magnus.

A festa de premiação acontecerá em 13/11, no restaurante Capim Santo, na capital paulista. A premiação consiste em: R$ 107 mil, sendo R$ 10 mil para cada ganhador nos segmentos Jornal, Revista, Rádio, Televisão, Webjornalismo e Especial Água; R$ 6 mil para os segmentos Imagem – Criação Gráfica e Imagem – Fotografia; e R$ 5 mil para os regionais Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul.

Dos 732 trabalhos inscritos por 387 jornalistas de todo o Brasil, 79 foram classificados pela Comissão de Seleção para a finalíssima. Coube à Comissão de Premiação, reunida em São Paulo nesta segunda-feira (28), definir os 13 vencedores e mais o ganhador do Grande Prêmio, que só será anunciado no dia 13 de novembro, durante a festa de premiação.

A repórter Sara Vasconcelos, também da TRIBUNA DO NORTE, esteve entre os dez finalistas na categoria Mídia Nacional - Jornal, com a reportagem “RN será autossuficiente em energia limpa”. O trabalho de Sara consiste em três reportagens, publicadas na edição do dia 25 de agosto, no caderno especial do projeto Motores do Desenvolvimento “A Indústria e as ideias sustentáveis”. As matérias tratam do potencial de energia eólica gerada no Rio Grande do Norte que atingiu, a partir de 2010, a autossuficiencia energética - quando se gera o volume equivalente a quantidade de consumo.

Veja a lista dos vencedores:
Mídia Nacional:
Melquíades Júnior (Diário do Nordeste – CE), com Viúvas do Veneno – Jornal;
Rafael Freire e Rodrigo Caetano (IstoÉ Dinheiro – SP), com Muito além do lucro – Revista;
Renata Colombo e Fábio da Silva de Almeida (Gaúcha FM – RS), com Império da Areia: a dragagem que mata o Jacuí – Rádio;
Vladimir Netto, Helio Gonçalves, Edivaldo Simão e Rafael Benoque (Jornal Nacional/TV Globo – DF), com a série Manguezais brasileiros – Televisão;
Marina Amaral, Ana Lima de Souza Aranha, Carlos Juliano Barros, Fernanda Ligabue, Ana Castro e Marcelo Min (Agência Pública de Reportagem e Jornalismo Investigativo – SP), com Amazônia pública – Webjornalismo;
Amaurício Cortez com Gil Dicelli e Pedro Turano (O Povo – CE), com Planeta Seca – Imagem Criação Gráfica;
Magnus Nascimento (Tribuna do Norte – RN), com No interior do RN, rebanho não resiste e morre de sede e fome – Imagem Fotografia.

A categoria Especial Água foi conquistada por Célia Rosemblum, do Valor Econômico, com o trabalho Conta gotas, que teve a participação de André Lachini, Andrea Vialli, Angela Klinke, Eduardo Belo, Martha San Juan França, Patricia Amaral, Paulo Vasconcellos, Rosangela Capozoli, Salete Silva, Silvia Czapski e Sergio Adeodato.

Categoria Mídia Regional:
Norte – Celso Freire e Cira Pinheiro (O Liberal CBN – PA), com Indústria descobre o caroço de açaí;
Nordeste – Lucas Malafaia, Valdemir Soares e Renata Pais (TV Pajuçara/SBT – AL), com Mata da Sálvia em perigo;
Centro-Oeste – Ana Lúcia Caldas, Nádia Coelho Faggiani, Thais Cristina Alves Passos e Marcus Vinicius Lima Tavares (Rádio Nacional – DF), com Reciclagem – Do combate ao desperdício à oportunidade de negócio;
Sudeste – Flávia Milhorance, Renato Grandelle e Vinicius Sassine (O Globo – RJ), com O desafio dos parques nacionais;
Sul – Henrique Kugler (Ciência Hoje Online – PR), com Em nome do ouro: rastros do mercúrio.

Também foram definidos pelo Conselho Consultivo do Prêmio Jornalistas&Cia/HSBC de Imprensa e Sustentabilidade os vencedores das categorias especiais: o ambientalista e economista Sérgio Besserman Vianna foi escolhido Personalidade do Ano em Sustentabilidade; o jornal O Estado de S. Paulo, Veículo de Comunicação do Ano em Sustentabilidade; e o Portal Mercado Ético, Veículo de Comunicação do Ano Especializado em Sustentabilidade.

A Comissão de Premiação foi integrada por Luciano Martins Costa, Albino Castro, Kaíke Nanne, Filomena Salemme, Inacio Teixeira, Leão Serva, Marion Strecker, Nelson Graubart e Reinaldo Canto, com coordenação de Lena Miessva.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários

  • santosgiusepe

    Como o pessoal gosta de desgraça e "coisa feia" deviam fotografar as crateras de Natal e os feridos nas macas do Walfredo Gurgel.