Cookie Consent
Natal
Funcionários da Ebserh param a partir de amanhã
Publicado: 00:00:00 - 19/07/2016 Atualizado: 23:39:06 - 18/07/2016
A partir de manhã (20), os trabalhadores da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) entram em greve por tempo indeterminado. Os atendimentos de urgência estarão garantidos à população, no entanto, parte dos serviços dos Hospitais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte deve parar. A paralisação foi aprovada em nove estados brasileiros, onde a Ebserh atua.

Leia Mais

Em nota, a coordenação geral do Sindserh-RN, afirma que a greve é reflexo do reajuste salarial abaixo da inflação realizado pela Empresa, além do atraso das negociações no que diz respeito ao tema. Além disso, também entram como pautas a redução de 12 para 5 dias o direito ao acompanhamento de dependentes legais a consultas médicas e o não oferecimento aos empregados o direito a titulação, previdência complementar e jornada de trabalho 12x36 horas diurnas durante a semana.

Ao todo, serão três hospitais afetados pela greve no Rio Grande do Norte: o Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL), a Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC) e o Hospital Universitário Ana Bezerra (HUAB), sendo os dois primeiros em Natal e o último em Santa Cruz. De acordo com a coordenação geral do sindicato, o atraso nas negociações com a Empresa estaria gerando um ambiente hostil para os empregados que são submetidos a jornadas exaustivas e que prejudicam a saúde e o desempenho dos funcionários.

Outros fatores como assédio moral e plantões de 24h ininterruptos foram apontados pelo como decisivos para a deflagração da greve. “É necessário que os trabalhadores estejam sadios para que possam prestar um atendimento de excelência, mas a verdade é que o próprio ambiente de trabalho está acarretando patologias físicas e psicológicas para aqueles que tem por obrigação cuidar”, afirmou o Sindserh-RN.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte