Governadora pede autorização para viagem internacional

Publicação: 2019-11-14 00:00:00
A Assembleia Legislativa vota, na sessão ordinária da manhã de hoje, pedido de autorização para que a governadora Fátima Bezerra (PT) se ausente durante 20 dias. Ela vai integrar a missão dos nove governadores do Nordeste que vai à Europa e Ásia a fim de negociar parcerias público-privadas nas áreas de energia renovável e turismo na Alemanha, França e Itália e, possivelmente na Espanha,  além da China.

Durante a viagem ao exterior, a governadora também estará acompanhada do secretário estadual de Gestão, de Projetos e Metas de Governo e Relações Institucionais, Fernando Mineiro. Entre os dias 15 e 23 a governadora está na Europa e em seguida vai à China, voltando dia 04 de dezembro ao Rio Grande do Norte. No período do afastamento da governadora do país, o vice-governador Antenor Roberto de Medeiros (PC do B) assume a chefia do Poder Executivo do Estado.

Já na terça-feira (12), uma c0missão do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste) esteve no Itamaraty, em Brasília, apresentando ao Governo Federal o planejamento da missão comercial que o colegiado de governadores realizará em países europeus, a partir do próximo dia 18.

Os governadores Paulo Câmara, de Pernambuco; Rui Costa, da Bahia e que presidente o Consorcio Nordeste; Wellington Dias, do Piauí) e o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão Júnior, apresentaram o plano da missão aos ministros Ernesto Araújo e Luiz Eduardo Ramos, de Relações Exteriores e Secretaria de Governo da Presidência da República, respectivamente, para reforçar o convite para a diplomacia brasileira integrar a comitiva.

Por ocasião da missão no exterior, os governadores vão apresentar um mapa de oportunidades do Nordeste, com foco na ampliação de investimentos, aceleração do crescimento e geração de emprego e renda nas áreas Infraestrutura, Energias Renováveis, Parcerias Público-Privadas e Turismo.

O presidente do Consórcio Nordeste, Rui Costa disse que o ministro das Relações Exteriores ficou de anunciar quem será o representante que acompanharão os governadores: “Estaremos lá fora representando e defendendo a região e destacando as grandes oportunidades que existem nos estados nordestinos e, por isso, reforçamos o convite para que as embaixadas se façam presentes”.

Costa disse que em todos os países, será chamada a atenção para as grandes oportunidades que existem nos estados nordestinos. “Precisamos passar confiança para o mundo de que investir no Brasil é bom, dá retorno e sobre a importância de desenvolver a região", afirmou.

A comitiva participa de eventos com empresários e tem reuniões com setores econômicos e governamentais em Paris, nos dias 18 e 19, em Roma, no dia 20, e em Berlim, nos dias 21 e 22. Encontros são previstos com o grupo francês Engie, que atua na geração de energia, e a norueguesa Golar, empresa de transporte de gás natural liquefeito.

Também existe possibilidade de ampliação de parcerias com entidades financiadoras, como a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) e do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), que já investem em projetos de sustentabilidade, agricultura e combate à pobreza no Nordeste.