Governo deve usar resto do Funfir para pagar inativos em novembro e dezembro

Publicação: 2017-11-14 15:36:00 | Comentários: 0
A+ A-
Representantes de todos os Poderes participaram da audiência com o Governo do Estado para discutir o repasse dos recursos atrasados do duodécimo. Estava previsto que, inicialmente, apenas o representante do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) participaria do encontro no Tribunal de Justiça.

Na audiência começou às 10h45 e terminou por volta das 14h e se chegou ao acordo para que o Tribunal de Justiça autorize o Instituto de Previdência dos Servidores do Estado (Ipern) no sentido de usar o resto do fundo previdenciário para pagar os salários de aposentados e pensionistas em novembro e dezembro.

Assim, os Poderes esperam que ocorra um alívio do caixa do Tesouro Estadual, que vem cobrindo a parte do déficit da previdência para pagar a folha de inativos, de cerca de R$ 120 milhões por mês, para liberar parte do duodécimo pra Assembleia Legislativa, Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado.

Até setembro deste ano, governo havia usado recursos do antigo fundo previdenciário, no valor de R$ 815,76 milhões para acobertar a folha de aposentados e pensionistas.  Até 2014, o antigo fundo previdenciário tinha em caixa R$ 973,09 milhões.

Atualizada às 18h04

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários