Informe Publicitário
Governo envia à Assembleia projetos de lei para recompor vencimentos de servidores
Publicado: 00:00:00 - 01/12/2021 Atualizado: 11:31:15 - 04/12/2021
Conteúdo de Responsabilidade do Anunciante
A governadora Fátima Bezerra encaminhará nesta quarta-feira (1º) projeto de lei que prevê a recomposição de 15% dos vencimentos de servidores que estão desde 2010 com as tabelas congeladas, além  reestruturação das progressões funcionais dos servidores, gerando equidade e buscando maior eficiência na prestação dos serviços.

Elisa Elsie
Governadora Fátima Bezerra e secretários fizeram várias rodadas de negociações com as categorias para definir a recomposição

Governadora Fátima Bezerra e secretários fizeram várias rodadas de negociações com as categorias para definir a recomposição


Leia Mais

Serão 11 categorias, contemplando 14 mil servidores ativos e aposentados, com impacto mensal de R$ 7 milhões, com implantação em março de 2022. Estarão no projeto servidores da Administração Direta,  Controladoria Geral do Estado, DER,  Emater, Fundação José Augusto. Gabinete Civil, IPERN,  Idema, Jucern,  Procuradoria Geral do  Estado e Secretaria da Tributação.

Diante da limitação financeira do Estado e da necessidade de aportar R$ 320 milhões das receitas de 2022 para pagar o salário de dezembro de 2018 – não pago pela gestão anterior – o Governo dialogou com os sindicatos e associações de servidores com a meta de ampliar a folha salarial das categorias contempladas em 15%.

"A partir das rodadas de negociações, e diante das distorções nas tabelas de servidores que ocupam cargos de nível fundamental, quase todas as classes estavam abaixo do salário mínimo. Tivemos que promover correções inclusive nas progressões funcionais", informa Pedro Lopes, Controlador-Geral do Estado e designado pela governadora para dialogar com as representações classistas.

Durante os diálogos, o governo propôs, e foi acatado pelas representações, padronizar o número de níveis nas carreiras em onze letras, com promoção por merecimento a cada dois anos.

"Havia carreiras em que os servidores só chegariam ao final após 40 anos de serviço; mas, mesmo assim, os governos, desde 2010, não vinham realizando as promoções. Definimos, a partir dos entendimentos, corrigir duas promoções para os atuais servidores ativos e que na nova regra o servidor pode atingir o último nível da carreira em 21 anos, por merecimento", explicou Pedro Lopes.

"Tudo foi dialogado nos limites de crescimento da folha para não comprometer as finanças, contudo eram muitas distorções pelos 11 anos de congelamento e ainda termos identificado centenas de servidores que sequer tinham o plano de cargos de 2010 implantado. A evolução chegou ao final a 21%", informou Pedro Lopes.

O Comitê de Gestão e Eficiência do Governo avaliou o novo impacto na folha de pagamento, no valor de R$ 7 milhões mensais, excedendo em R$ 2 milhões a meta, e aprovou para não gerar novas distorções nas carreiras e fazer justiça aos servidores.

O governo reprogramará a execução de outras despesas e assegura que não haverá comprometimento no calendário de pagamento, mantendo em 2022 a regularidade que vem mantendo desde 2019.

O Controlador-Geral Pedro Lopes afirmou que não procede a declaração do Sinsp de que o governo não dialogou com as categorias. "Inclusive a presidente do sindicato participou de três reuniões com o governo e na penúltima autorizou encaminhamento de tabela ao Comitê de Gestão e Eficiência do Governo para avaliação e deliberação, que acabou sendo acatada", relata.

Mas, segundo Pedro Lopes, quando o sindicato foi comunicado da aprovação da tabela, na terceira reunião, não mais a aceitou e gerou uma nova demanda. "A proposta deles não tem como ser atendida sem comprometer a regularidade do calendário de pagamento dos servidores, e isso nós do governo não vamos fazer. Tudo está sendo tratado com total responsabilidade.”

Em relação à divulgação pela entidade classista de que o governo fará incorporação de gratificações e não aumentará os vencimentos em 15%, o Controlador-Geral esclarece que "no projeto a ser encaminhado, primeiramente esclareço que não haverá norma para incorporar qualquer gratificação".

Acrescenta que "a iniciativa do governo é estabelecer que o menor vencimento do servidor estadual será R$ 1.265,00, 15% acima do salário mínimo atual, que é R$ 1.100,00, assegurando esse percentual a todos os servidores das categorias contempladas, como anunciou a governadora Fátima Bezerra no Dia do Servidor Público”.

Bom Domingo traz Papai Noel de helicóptero
Sucesso em sua estreia no mês de novembro, com participação aproximada de duas mil pessoas, o programa Bom Domingo chega a sua segunda edição com o tema Natal. A iniciativa será realizada no próximo dia 5 de dezembro, no Centro Administrativo de Natal, no bairro Lagoa Nova, no horário das 15h às 20h.
SANDRO MENEZES
Programa que acontece no Centro Administrativo tem cinco estações. São 30 barracas para artesãos do Proart, feirinha da Economia Solidária, Feira do Servidor e atividades do programa Qualidade de Vida

Programa que acontece no Centro Administrativo tem cinco estações. São 30 barracas para artesãos do Proart, feirinha da Economia Solidária, Feira do Servidor e atividades do programa Qualidade de Vida

Para a nova edição, o programa contará com uma série de novidades como a chegada do Papai Noel em helicóptero, poltrona para fotos com crianças, encontro de carros antigos, espaço de discotecagem, posto de vacinação contra hepatite, tétano e covid-19 - parceria da Secretaria Estadual da Saúde Pública com a prefeitura -, além dos espaços pet e gastronômico (food truck), que já integraram o primeiro Bom Domingo.

"Queremos aproximar a população ao Centro Administrativo. Queremos que as pessoas ocupem a área verde, usufruam de um espaço agradável para lazer, façam piquenique, passeiem com seus pets, amigos e/ou familiares”, destaca a chefe de gabinete do Gabinete Civil e coordenadora do projeto, Emanuelle Cordeiro.

O Bom Domingo conta com cinco estações. Uma destas, contará com 30 barracas, o dobro da primeira edição, ocupadas por artesãos do Proart, feirinha da Economia Solidária, Feira do Servidor e atividades do programa Qualidade de Vida. 

A praça gastronômica é outro atrativo com áreas destinadas a food trucks e ainda oferece pipoca, açaí, tapioca, cachorro quente e crepe. Também são oferecidas práticas esportivas e atendimento nutricional.
SANDRO MENEZES

A Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap) através do programa RN + Saudável, vai aplicar doses da vacina contra a covid-19 (D1, D2 e D3), de todos os imunizantes e para todos os públicos. O programa ainda promoverá atividades de Práticas Integrativas e Promoção à Saúde e distribuição de máscaras, preservativos e materiais educativos. 

Prêmio Hangar
Nesta segunda edição, o Bom Domingo vai agregar o Prêmio Hangar que estará realizando sua 19ª edição neste dia 5, a partir das 17 horas, no Espaço Cultural João Paulo II, mais conhecido por Papódromo. O Prêmio Hangar reconhece, incentiva, valoriza e divulga a produção musical brasileira e premia os destaques de 2021 no Rio Grande do Norte. 

O Programa Bom Domingo é coordenado pelo Gabinete Civil do Governo do Rio Grande do Norte e conta com a participação de diversas secretárias e órgãos do executivo estadual: Fundação José Augusto (FJA), Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar (Sedraf), Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh), Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), Subsecretaria de Estado do Esporte e do Lazer (Seec/RN), Corpo de Bombeiros Militar e Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).
Conteúdo de Responsabilidade do Anunciante

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte