Natal
Governo instala Parque Tecnológico em Macaíba
Publicado: 00:00:00 - 10/09/2021 Atualizado: 00:27:07 - 10/09/2021
A governadora Fátima Bezerra a UFRN assinaram o termo que oficializou a cessão do direito de uso das instalações para implantar o Parque Científico e Tecnológico Augusto Severo (PAX-RN), nesta quinta-feira, 09. A área tem 50 hectares, 15 mil metros quadrados de área construída e 70 salas (10m² a 172m²) na Fazenda Jundiaí, na zona rural, que irão abrigar centros de pesquisa e capacitação, laboratórios multiuso, incubadoras tecnológicas e observatórios. O Estado vai investir R$ 8,4 milhões em adequações com recursos do Projeto Governo Cidadão, financiado pelo Banco Mundial.

Elisa Elsie
Instalações cedidas pela UFRN representam cerca de R$ 30 milhões em investimentos

Instalações cedidas pela UFRN representam cerca de R$ 30 milhões em investimentos


As instalações cedidas pela UFRN em valores atualizados representam R$ 30 milhões e foram construídas em três anos, segundo o reitor José Daniel Diniz. "A decisão do Governo do Estado em apoiar o projeto é fundamental. Assinamos a cessão e agora o Governo poderá fazer os investimentos para implantar o parque que será um divisor de águas para desenvolver o RN", considerou Diniz.

A proposta de implantar o Parque Tecnológico do RN vem desde 2013. A coordenadora do PAX, professora e ex-reitora da UFRN, Ângela Paiva, lembrou que "ao assumir a gestão, a governadora Fátima Bezerra nos convidou para conversar, as quatro prefeituras que se somam ao parque, a Fiern e o Sebrae para aproximar as universidades das empresas com a finalidade de gerar soluções às demandas da sociedade. Este projeto não é só da UFRN, mas de 13 instituições públicas e privadas. Vamos começar a trabalhar em 2022 para produzir conhecimento, gerar emprego, renda, desenvolvimento social e econômico, dentro de uma concepção de parque verde, comprometido com o desenvolvimento social e econômico sustentável". A área tinha o objetivo inicial de abrigar uma escola e o instituto de neurociências, idealizados pelo cientista Miguel Nicolélis, que foram descontinuados por mudanças na política educacional do governo federal.

O secretário de Gestão de Projetos e Metas do Governo do RN, também coordenador do programa Governo Cidadão, Fernando Mineiro disse que ainda em fevereiro de 2019 recebeu orientação da governadora para manter o projeto do Parque Tecnológico. "Tratamos com o Banco Mundial, voltamos a incluir o projeto no financiamento e agora vamos transformar este local em vida, em ciência, em conhecimento, tecnologia e desenvolvimento", declarou.

No ato de assinatura do termo de cessão, a governadora esteve acompanhada do vice-governador Antenor Roberto; secretários estaduais - Getúlio Marques (Seec), Gustavo Coelho (Sin), Procurador Geral do Estado (PGE), Luiz Antônio Marinho; secretários adjuntos – Sílvio Torquato (Sedec), Haroldo Azevedo Filho (Sin); presidente da Fapern, Gilton Sampaio. Também registraram presença o coordenador administrativo do Instituto Santos Dumont, Jovan Gadioli; representantes da Uern, Ufersa e IFRN; representante da Fiern, Djalma Cunha; vice-presidente da Fecomércio, Antônio Lacerda; superintendente do Sebrae, Zeca Melo; representantes das prefeituras de Natal, São Gonçalo do Amarante e Parnamirim; vereadores de Macaíba.








Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte