Grupo paulista compra 70% do Norte Shopping

Publicação: 2012-12-12 00:00:00 | Comentários: 1
A+ A-
Andrielle Mendes - repórter

A Ecocil anunciou ontem a venda de 70% de sua participação no Natal Norte Shopping para o grupo paulista Partage. O fechamento do negócio foi anunciado por Fernando Bezerra, um dos donos do grupo potiguar. A negociação, segundo ele, já durava cinco meses. O valor envolvido no negócio não foi divulgado.
Aldair DantasLocalizado na zona Norte de Natal, shopping deve ganhar seis salas de cinema em julho de 2013Localizado na zona Norte de Natal, shopping deve ganhar seis salas de cinema em julho de 2013

Apesar da mudança, que ocorre na véspera no Natal, uma das melhores datas para o segmento dos shoppings, a atual administração será mantida. A mudança no controle não afetará em nada a operação, afirmou o empresário.

Segundo ele, o objetivo da associação é aumentar a capacidade de investimento. “O Partage é um grupo que conta com uma cadeia de shoppings e tem recursos disponíveis para fazer o investimento que nós não teríamos para fazer sozinhos”, afirmou.

O empreendimento, o maior do ramo localizado na zona Norte de Natal – em frente ao Norte Shopping há o Shopping Estação - completa cinco anos este mês, e passará pela sua primeira grande expansão em 2013. O investimento é fruto da associação entre os dois grupos e deverá deixar a concorrência ainda mais acirrada.

Ainda esse ano será inaugurado o novo deck da praça de alimentação. Para julho, é prevista a inauguração de seis salas de cinema com 1.600 lugares da operadora mexicana Cinépolis. Segundo o empresário, será investido cerca de R$ 50 milhões na ampliação do espaço físico – quase o mesmo valor aplicado na sua construção.  Considerado o segundo maior shopping da cidade, o Natal Norte Shopping conta com 77 lojas e vende, em média, R$ 210 milhões, por ano.

A compra das ações do  grupo Ecocil não é a primeira investida da Partage no Nordeste. Segundo matéria publicada no Jornal da Paraíba, o grupo comprou 76,6% das ações do Boulevard Shopping, o maior de Campina Grande, na Paraíba, por R$ 103,5 milhões. A equipe de reportagem tentou entrar em contato com o grupo para comentar o investimento, mas não obteve êxito. O grupo é apontado por muitos como o braço imobiliário do Aché Laboratórios, mas segundo a assessoria de imprensa da empresa farmacêutica, “o Aché, enquanto empresa, não tem relação com a Partage”. Em nota enviada à TRIBUNA DO NORTE, o laboratório explicou que um dos membros do conselho do Aché tem investimentos particulares e, dentre eles, um é a Partage.

Expansão

O momento é de expansão para os shoppings de Natal. Só o Natal Shopping deverá inaugurar 69 lojas até setembro de 2013 - 66 lojas satélites, uma âncora e duas megastores.  O Midway Mall, por sua vez, inaugurou, em novembro, três operações, algumas inéditas no estado: Casas Bahia, McDonald´s e Le Biscuit. Uma central de atendimento da Oi será inaugurada hoje no estabelecimento. Também há mais shoppings a caminho. Grupos locais e nacionais como a Capuche, a JAM Empreendimentos e a Coteminas, gigante no setor têxtil, anunciaram a construção de shoppings na grande Natal.

Entrevista: Fernando Bezerra - presidente do grupo E-PAR (Ecocil Participações)

Emanuel Amaralentrevista/Fernando Bezerra/presidente do grupo E-PAR (Ecocil Participações)entrevista/Fernando Bezerra/presidente do grupo E-PAR (Ecocil Participações)

“Estamos nos associando para crescer”

O que muda com a venda de 70% da participação do shopping para o grupo Partage?
O grupo está entrando como sócio majoritário para fazer um investimento de ampliação no shopping. Nós não estamos vendendo o shopping, estamos nos associando a um grupo que tem uma cadeia de shoppings para ampliar o nosso.

Nenhuma mudança significativa?
Não. O grupo vai ficar majoritário para promover investimentos. É isso só e somente isso. Não vai mudar a direção da empresa. Não vai acontecer nada disso.

Essa ampliação está prevista para quando?
Provavelmente no próximo ano.

Quanto será investido?
Entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões.

Eles pagaram quanto pelas ações?
Não posso informar.

As negociações começaram há muito tempo?
Quatro ou cinco meses.

Vocês procuraram o grupo ou eles procuraram a Ecocil?
Fomos procurados.

O Natal Norte Shopping é o segundo maior shopping da cidade. A ideia é chegar a liderança, considerando que o shopping de vocês está localizado numa área estratégica?
Vamos ampliar até quando o mercado demandar.

Este não é o primeiro shopping vendido pela empresa. Com o Natal Shopping ocorreu algo semelhante.  A Ecocil tem interesse em continuar neste segmento?
Queremos continuar. A razão principal da associação é exatamente essa. O Partage é um grupo que conta com uma cadeia de shoppings e tem recursos disponíveis para fazer o investimento que nós não teríamos condições para fazer sozinhos. Essa é a razão do negócio.

O grupo entra só agora ou já era sócio minoritário e apenas comprou um pouco mais de ações?
O grupo está entrando, se associando, e ficando majoritário.

O investimento previsto é de R$ 50 milhões. Ele contempla remanejamento de lojas ou também ampliação do espaço físico?
Ampliação do espaço físico.

As novas operações já estariam sendo negociadas?
Ainda não. Estamos fazendo estudos de como os recursos serão aplicados para depois entrarmos nesta questão. Mas foi feita uma pesquisa de mercado.

Mercado tem...
Tem sim. Em julho, inclusive, vamos inaugurar seis salas de cinema.

O fato do comando do empreendimento ter mudado de mãos as vésperas do Natal interfere nas vendas?
Não interfere em nada.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários

  • eder_begossi

    Bom dia a todos ! Fico feliz com toda notícia de investimento público e/ou privado em nossa cidade e, principalmente, quando ocorre na nossa querida e sofrida ZN. Caro prefeito eleito,que você e os seus tenham paz e saúde neste Natal, e que a nossa Natal possa a partir de Janeiro de 2013 realmente ser presenteada com uma gestão de muito, mas muito trabalho,priorizando as necessidades mais preementes e utilizando os recursos com extrema sabedoria. Que venha o Ano Novo e que possamos fazê-lo um novo ano. Ia me esquecendo ...Que bom poder ir ao cinema a menos de 10 minutos de casa ...