Ibope aponta eleitor com mais convicção

Publicação: 2018-09-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
São Paulo (AE) - Após o atentado contra o candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, seu eleitorado se tornou mais convicto - o que reduz as chances de o deputado ficar de fora do segundo turno - e se concentrou ainda mais no segmento masculino. Os dados são de pesquisa de intenção de voto do Ibope divulgada na terça-feira, 11.

A parcela de apoiadores de Bolsonaro que afirmam que sua escolha é "definitiva e não mudará de jeito nenhum" deu um salto de 13 pontos porcentuais entre a pesquisa Ibope divulgada em 5 de setembro e a de terça. Na semana anterior, a ala convicta era 41% do eleitorado do candidato. Agora, essa taxa subiu para 54%

Como observou a diretora executiva do Ibope Inteligência, Marcia Cavallari, o presidenciável do PSL "é o único dos candidatos que tem a maioria absoluta dos seus eleitores afirmando que esta é uma decisão definitiva". Além dos 54%, outros 19% dos bolsonaristas afirmam que a decisão de voto é "firme, mas poderá mudar no decorrer da campanha".

Outro sinal da cristalização do voto no candidato do PSL foi seu avanço na pesquisa espontânea, na qual os eleitores manifestam sua preferência antes de ler a lista com os nomes dos candidatos, Nessa modalidade, ele subiu seis pontos porcentuais, de 17% para 23%.

Se o que impulsionou Bolsonaro foi a comoção provocada pelo atentado, ela parece ter afetado mais os homens que as mulheres. No segmento masculino do eleitorado, o candidato subiu sete pontos porcentuais, de 28% para 35%. Entre as mulheres, houve apenas uma oscilação de 16% para 18%. Ou seja, de cada dez novos eleitores do candidato, oito são homens e dois são mulheres.






continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários