Ingleses ganham um dia para reverenciar o menino Jesus

Publicação: 2018-11-08 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Londres (AE) - Gabriel Jesus lavou a alma ontem. Titular contra o Shakhtar Donetsk, em jogo pela quarta rodada do Grupo F da Liga dos Campeões da Europa, o atacante brasileiro foi o grande destaque ao marcar três vezes - dois em cobrança de pênalti e um por cobertura - na goleada por 6 a 0 do Manchester City, no Ettihad Stadium, em Manchester, na Inglaterra. O resultado positivo deixou o clube inglês muito perto da classificação às oitavas de final da competição.

Gabriel Jesus voltou a mostrar um bom desempenho ofensivo
Gabriel Jesus voltou a mostrar um bom desempenho ofensivo

Com a goleada, o Manchester City chegou a nove pontos e está tranquilo na liderança da chave. A segunda colocação é do Lyon, que desperdiçou a chance de também ficar bem perto da classificação ao tomar um gol nos minutos finais e só empatar por 2 a 2 contra o Hoffenheim, na França. O time francês tem seis pontos, contra três dos alemães. O Shakhtar Donetsk é o lanterna, com apenas dois.

A quinta rodada do Grupo F será realizada no próximo dia 27 e o Lyon fará o grande jogo da chave contra o Manchester City, na França. Na Alemanha, o Hoffenheim recebe o Shakhtar Donetsk em um confronto no qual os dois times decidirão quem continuará com chances de classificação às oitavas de final.

Grupo E
Mais uma vez sem brilho, o Bayern de Munique fez a sua parte nesta quarta-feira e encaminhou a vaga às oitavas de final da Liga dos Campeões. Diante de sua torcida, na Alemanha, a equipe bávara recebeu o AEK Atenas e venceu por 2 a 0, na quarta rodada do Grupo E, com gols de Lewandowski.

O resultado deu a liderança isolada da chave ao Bayern de Munique, que encaminhou a classificação. A equipe alemã tem 10 pontos, contra oito do Ajax e quatro do Benfica, que ficaram no empate por 1 a 1 nesta quarta-feira, em Portugal. O AEK Atenas, lanterna, ainda não pontuou e está eliminado.

Diante do adversário mais frágil do grupo, o Bayern de Munique voltou a irritar a sua torcida com uma apresentação abaixo do esperado. Dependeu de pênalti bastante polêmico marcado sobre Lewandowski, aos 30 minutos, para abrir o placar. O próprio polonês cobrou para marcar.

Nem mesmo a vantagem melhorou o futebol do Bayern de Munique, que só voltaria a marcar na etapa final. Aos 25 minutos, Lewandowski aproveitou escanteio cobrado da esquerda e desvio na primeira trave para empurrar para a rede e selar o placar. Foi o quarto gol do polonês nesta edição da Liga dos Campeões.



continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários