Intenção de consumir

Publicação: 2020-02-18 00:00:00
A+ A-
Luiz Antônio Felipe
laf@tribunadonorte.com.br

A percepção de consumo dos brasileiros superou, pela primeira vez desde março de 2019, o nível de 100 pontos, evidenciando satisfação com as expectativas de consumir, disse em nota a economista da Confederação Nacional do Comércio (CNC), Catarina Carneiro da Silva. A intenção de consumo em fevereiro mostra  os brasileiros mais animados. Subiu 1,2% em relação a janeiro, após duas quedas consecutivas. Na comparação com fevereiro de 2019, o ICF cresceu 0,8% em fevereiro deste ano. Apesar da melhora, o indicador permanece abaixo do patamar de satisfação, a zona acima de 100 pontos.

Positivo
O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, comemora a volta do índice que mede intenção do consumo das famílias aos patamares de antes da crise. “É um sinalizador importantíssimo para o comércio e o patamar medido este mês vem ratificar o nosso otimismo para 2020”.

Varejo
Enquanto em 2019 e, até em dezembro foi fraco, o desempenho das vendas no varejo brasileiro cresce 3,1% em janeiro, descontada a inflação, em comparação com janeiro do ano passado, de acordo com o Índice Cielo do Varejo Ampliado, que acompanha mensalmente o desempenho de 1,6 milhão de varejistas credenciados à companhia de meios de pagamentos.

Previsão
O mercado está apostando em uma redução do PIB do Brasil para 2,23% em 2020. Começa a “caibrar” o indicador em uma fura redução da expansão econômica. Para 2021, as expectativas para o PIB do país permaneceram inalteradas, segundo o Focus. Já a inflação oficial em 2020 caiu a previsão pela sétima semana consecutiva, de 3,25% para 3,22%.

Cotações
Poucas oscilações no mercado, com o feriado prolongado nos EUA (Dia do Presidente). O Ibovespa e o dólar (R$ 4,32) voltaram a subir. O preço do petróleo teve ligeira baixa no mercado spot.

Indústria x pequenos
A indústria de pequeno porte melhora o desempenho e as finanças, mostram os Indicadores do Panorama da Pequena Indústria do quarto trimestre reforçando a expansão da economia. O Índice de Desempenho é o melhor para dezembro desde o início da série histórica, em 2012, diz a CNI. Já um estudo do Sebrae mostra que os pequenos negócios tiveram mais acesso a crédito e a investimentos em 2019.

Aquisição
O Grupo 3corações faz mais uma aquisição e se consolida como líder nacional no setor de cafés. Agora adquire a operação de café torrado e moído da Mitsui Alimentos com todas as suas marcas e ativos. A compra inclui o Café Brasileiro e fortalece sua liderança no Centro-Oeste e no Brasil como um todo. O valor da transação foi de R$ 210 milhões. 

Chuvas
A semana será de pancadas de chuvas em todas as regiões do Estado, com temperaturas elevadas por conta da umidade, segundo a meteorologia da Emparn. Hoje, os meterologistas do Nordeste estarão reunidos em Natal para analisarem o clima e o tempo da quadra chuvosa até abril, no semiárido.

Atacarejo
O Grupo Carrefour Brasil adquire 30 lojas da rede Makro e intensifica expansão pelo país, por R$ 1,95 bilhão. O negócio acelera a presença do Atacadão no Rio de Janeiro e no Nordeste, mas a loja Makro de Natal não foi incluída. Como foram adquiridas as lojas na Paraíba, Ceará e Pernambuco, a de Natal perde a logística de abastecimento e virou uma “ilha”.

Campanha
O turismo do Rio Grande do Norte realiza campanha de promoção nacional, a primeira de 2020.  A Emprotur e a Secretaria Estadual de Turismo, em parceria com o trade turístico potiguar e a CVC, maior operadora da América Latina, estão com uma ampla campanha de promoção e comercialização do destino potiguar, com o objetivo de atrair turistas nacionais para o RN, especialmente, na baixa estação.

Balanço
O lucro do Magazine Luiza cai 11,4% no quarto trimestre, mas cresce 54,3% em 2019. O resultado ficou em R$ 168 milhões no trimestre e atingiu R$ 921,8 milhões no ano completo. Um bom desempenho puxado pelo e-commerce, a Magalu.








Deixe seu comentário!

Comentários