Esportes
Jogador Robinho é condenado por violência sexual na Itália
Publicado: 12:04:00 - 19/01/2022 Atualizado: 12:16:14 - 19/01/2022
O jogador Robinho é condenado, junto com seu amigo Ricardo Falco, a nove anos de prisão pela violência sexual de grupo pela Corte de Cassação da Itália, última instância do judiciário do país nesta quarta-feira (19). A sentença final vai sair em 30 dias. 
Santos FC


 Robinho e seus advogados tentaram um último recurso diante da Corte de Cassação de Roma, como se fosse o STF italiano, mas não conseguiram a aprovação. Robinho e Ricardo Falco, no entanto, não podem ser extraditados para a Itália por conta da Constituição de 1988 que proíbe a extradição de brasileiros. 

Contudo, os dois correm o risco de serem presos caso venham fazer qualquer viagem no exterior, não necessariamente à Itália. Para acontecer isso o Estado Italiano precisa emitir um pedido internacional de prisão que poderia ser cumprido em qualquer país da União Europeia.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte