Jornalista João Ururahy morre vítima de câncer em Natal

Publicação: 2011-12-28 15:45:00 | Comentários: 0
A+ A-
Fred Carvalho - Editor

O jornalista João Ururahy Nunes do Nascimento morreu na tarde desta quarta-feira (28) em Natal. Ururahy, que tinha 82 anos, foi chefe da Casa Civil do governo Geraldo Melo de 1987 a 1990.
Arquivo TNJoão Ururahy foi um dos pioneiros da publicidade no Rio Grande do NorteJoão Ururahy foi um dos pioneiros da publicidade no Rio Grande do Norte

João Ururahy foi um dos pioneiros da publicidade no Rio Grande do Norte, dirigindo por vários anos a agência Expo Comunicação.

O jornalista, que desde o último domingo (25) estava internado no Hospital Professor Luiz Soares, morreu vítima de câncer.

Aposentadoria
João Ururahy estava aposentado fazia alguns anos. De acordo com um dos filhos dele, Alexandre Frederico Nunes, o jornalista passava mais tempo em casa.

"Ele estava cansado. Aproveitou os últimos anos para ficar mais tempo com a família", falou.

Mesmo aposentado, Ururahy acompanhava a política local. "Não era como antes, mas meu pai ainda acompanhava a cena política daqui. Era um dos prazeres dele", disse Alexandre Frederico.
Arquivo TNUrurahy foi chefe da Casa Civil do governo Geraldo Melo de 1987 a 1990Ururahy foi chefe da Casa Civil do governo Geraldo Melo de 1987 a 1990

O jornalista e publicitário descobriu o câncer fazia menos de dois meses. "Ele era avesso a essas coisas de cuidar da saúde. Só foi ao médico após muita insistência e descobriu o câncer muito tarde", lamentou.

O corpo de João Ururahy está sendo velado no Morada da Paz, na rua São José.

O sepultamento, segundo Alexandre Frederico, deverá ser no cemitério do Alecrim, às 11h desta quinta-feira (29).

* Atualizada às 17h38.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários