Jovempontocom: Os meninos que carregam o sonho de jogar futebol na França

Publicação: 2020-02-22 00:00:00
A+ A-
Tales Lobo
Repórter

Ser jogador de futebol, no país do futebol: o sonho alimentado por grande parte das crianças brasileiras. E esse sonho pulsa forte na vida de três jovens que jogam aqui no Rio Grande do Norte e foram selecionados para representar o Brasil em um campeonato organizado por um dos clubes mais conhecidos no mundo. Lowen Tamberg, de 10 anos, Pedro Ivo, de 11 e Fellipe Dantas de 12, estarão na delegação brasileira que vai à França disputar a 'PSG Academy Cup', torneio que reúne 15 franquias da escola de futebol do Paris Saint-Germain pelo mundo.

Créditos: Tiago RochaLowen Tamberg, Pedro Ivo e Fellipe Dantas vão disputar o PSG Academy Cup na FrançaLowen Tamberg, Pedro Ivo e Fellipe Dantas vão disputar o PSG Academy Cup na França


Para chegar em Paris, os jogadores que atuam na franquia de Natal se organizam para bancar a viagem. Os garotos abriram uma “vaquinha virtual” para ajudar nas despesas, que pode ser acessada através do site.

Conexão com outro esporte
Fellipe, que é goleiro titular da equipe sub-13, conta com a ajuda de um primo famoso para ajudar com os custos da viagem. Ítalo Ferreira, potiguar campeão mundial de surf em 2019 é da família do garoto e doou uma prancha usada na etapa de Gold Coast, na Austrália, para ser o prêmio de uma rifa, vendida por R$ 10 pelo garoto. “Recebi a notícia que tinha sido convocado, liguei para o meu tio e perguntei se ele podia falar com Ítalo pra doar uma prancha. Na mesma hora Ítalo disse que podia.” revela Fellipe.

Inspirações
Para a competição que acontece em maio na capital francesa, os pequenos craques vão levar não só as chuteiras e o material esportivo, mas também a esperança de encontrar os ídolos que hoje só assistem através da televisão. Fellipe, o goleiro, quer conhecer o companheiro de posição Keylor Navas, costarriquenho titular do PSG. Já entre os outros dois, o interesse pela grande estrela do clube é unânime: “Eu quero muito ver o Neymar”, afirma Lowen. “Também quero ver o Neymar, por causa do drible, do toque de bola e do jeito que ele chuta”, completa Pedro Ivo.

Início
É clichê dizer que no Brasil a paixão pelo futebol vem de berço, mas esse clichê se encaixa bem na história dos garotos. “Meu pai ficava me contando as histórias dele de futebol e eu comecei a gostar”, cita Lowen. “Eu e meu primo adorávamos nos vestir com uniforme, meião, chuteira e bater bola lá na garagem lá de casa. Assim surgiu meu interesse pelo futebol”, conta Pedro Ivo. Já Fellipe conta sobre seu início e já comemora a seleção: “Comecei na escola. Chegou um dia que não tinha mais goleiro e eu fui para o gol. Hoje sou escolhido para a nacional do PSG”.

Competição
Na 'Academy Cup', os garotos vão integrar a seleção brasileira do PSG com ouros jogadores de diversas escolinhas, espalhadas pelo Brasil. Lowen é atleta da categoria sub-11, enquanto Pedro Ivo e Fellipe atuam na categoria sub-13. Eles serão acompanhados pelo professor Severo Júnior, que  será o responsável pela seleção sub-11 do Brasil. A seleção brasileira embarca para Paris no dia 13 de maio, para o torneio que tem duração de uma semana.

Antes de ir para a 'Cidade Luz', a delegação potiguar embarca para São Paulo no início do mesmo mês, para uma série de atividades e treinamentos. Como não poderia ser diferente, a expectativa dos três jogadores é a melhor possível. Todos esperam representar bem o Brasil e voltar para Natal com o título. “Espero que a gente possa ser campeão e trazer o caneco pra casa”, afirma Pedro Ivo, mostrando confiança no desempenho em terras francesas.

Nomes: Lowen Tamberg, Pedro Ivo e Fellipe Dantas

Atividades: Jogadores de futebol  e estudantes

Interesses:
Jogar futebol, sair com a família e jogar videogames

“Comecei na escola. Chegou um dia que não tinha mais goleiro e eu fui para o gol.  Hoje sou escolhido para a nacional do PSG” - Fellipe Dantas

“Meu pai ficava me contando as histórias dele de futebol e eu comecei a gostar” - Lowen Tamberg

“Espero que a gente possa ser campeão e trazer o caneco pra casa” - Pedro Ivo













Deixe seu comentário!

Comentários