Lançamentos SUVs em 2021

Publicação: 2021-04-04 00:00:00
Circulando

Lista tem SUVs compactos e médios 7 lugares, com destaque para novos Compass e Creta, o inédito Fiat 363 e o VW TAOS. A tendência se tornou realidade. Este ano, os Utilitários Esportivos despontam em 2o- lugar nas vendas do nosso mercado, muito à frente dos sedãs compactos, e atrás apenas dos modelos hatchs. Segundo a Fenabrave, os SUVS somam 36,5% das vendas, ante 40,9% dos hatchs e 16% dos sedãs. Isso explica porque os lançamentos de veículos deste ano serão SUVs. Vários inéditos em nosso País. A onda de novos Utilitários Esportivos terá início este mês com a chegada do Caoa Chery Tiggo 3X, uma versão atualizada do  Tiggo 2, com design diferente, um novo motor 1.0 turbo e câmbio automático.

Em maio, chegará o Ford Bronco, 2o- carro da nova fase da marca norte-americana, agora como importadora. E do VW TAOS, SUV maior que o T-Cross, que virá da Argentina. Antes, este mês, a Fiat vai revelar o inédito SUV do hatch Argo, chamado Progetto 363.

O carro deve chegar no início do 2º semestre, mesma época em que a Hyundai vai lançar a nova geração do CRETA e a Volvo vai trazer o XC40 Recharge. Mais adiante estreiam 2 SUVs: o inédito Jeep de 7 lugares, e o Exeed LX, modelo da marca de luxo da Chery, que se chamará Caoa Exeed no Brasil.

Entre os SUVs nacionais, 2 serão atualizados em breve. A Jeep com Compass,  que ganhará motor turbo FLEX e painel novo, e a Renault, o Captur, que vai estreiar o motor 1.3 turbo FLEX junto com a Mercedes. Confira os principais SUVs que estreiam em ainda este ano em nosso País.

Caoa Chery Tiggo 3X, que será lançado este mês, um novo SUV compacto que será posicionado entre o atual Tiggo 2 e o maior Tiggo 5X. O modelo é a versão atualizada do Tiggo 2, com design mais moderno e novo interior. Vai ter mecânica inédita, formada por motor 1.0 turbo FLEX  3 cc e câmbio do tipo CVT.

O Tiggo 3X deverá ter preços entre R$ 75 e R$ 100 mil, concorrerá com Hyundai HB20X e Renault Stepway, até versões de entrada de SUVs como o Tracker, Nissan Kicks e VW Nivus. Com duplo comando e injeção direta, o motor 1.0 turbo terá 120 cv.

O Novo Compass, após 5 anos de mercado, sendo líder geral dos SUVs em dois deles,  está prestes a mudar. Feito em Goiana (Pe),  será reestilizado em maio, e modificará o interior. Terá Wi-Fi e um grande multimídia, o inédito motor 1.3 GSE turbo FLEX da Stellantis.

O novo Compass terá  motor 2.0 turbo diesel recalibrado, de 203 cv e permanecerá combinado ao câmbio automático de 9 marchas e disponível nas versões 4×4, enquanto o 1.3 turbo FLEX vai trabalhar com o câmbio automático de 6 marchas.

A Renault anunciou, em março, o investimento de R$ 1,1 bilhão em sua fábrica de São José dos Pinhais (PR), para renovar sua gama nacional de carros. O 1o- modelo da marca a mudar será o Captur. O SUV receberá uma leve reestilização em maio. Vai modernizarsua parte frontal, com adoção de faróis full LED.

Outra novidade no novo Captur:  a mecânica. O SUV vai estrear o motor 1.3 TCe turbo FLEX, que foi desenvolvido em parceria com a Mercedes e vai alçar o Captur a novo patamar de desempenho, com potência de 163 cv. O 1.3 turbo virá acompanhado do novo câmbio CVT  de 8 velocidades.

A Ford está reorganizando sua operação no Brasil após anunciar em janeiro, o fim da produção de carros no País. Sem os carros nacionais (Ka e Ecosport), ela vai apenas importar veículos. E o Bronco Sport será o 1o- modelo da nova gama de SUVs premium da montadora. A estreia ser em maio. Com preço inicial de R$ 200 mil, o SUV virá do México em 3 versões: Black Diamond, Big Bend e Wildtrak. Nos registros feitos no Brasil, eles utilizam o mesmo motor 2.0 turbo de 248 cv, além do câmbio automático de 8 marchas. Feito para o fora-de-estrada, o modelo terá tração 4x4.

Volkswagen Taos
Finalmente, está chegando a hora do lançamento do ano, o TAOS. A VW anunciou o seu concorrente do Compass neste semestre e  vem promovendo ações com o SUV. O TAOS virá importado da Argentina entre maio e junho, com preço inicial próximo de R$ 140 mil. Refinado, o VW é menor do que o Tiguan Allspace, e um pouco mais comprido que o Compass. Um dos trunfos será o porta-malas de quase 500 litros. O motor 1.4 TSI de 150 cv e 25,5 mkgf de torque, e o câmbio automático de 6 marchas. Tração será dianteira. A VW vai apostar muito alto no TAOS no que tange a tecnologias avançadas.

Após o coronavírus atrasar seus planos, a Hyundai prepara para o 2º semestre o lançamento do novo Creta. O SUV foi revelado em 2019, na China. Recentemente, chegou ao México. Um dos destaques da renovação do SUV é o design.

O Creta brasileiro vai adotar o motor 1.0 turbo FLEX da linha HB20, com 120 cv, com álcool. Os câmbios serão os mesmos, ou seja, manual ou automático de 6 marchas. É provável que ao menos uma das atuais opções de motor siga na linha 2022. Hoje, o SUV utiliza o 1.6 16V de 130 cv e o 2.0 16V de 166 cv.

A Fiat  vai revelar o seu 1o- SUV nacional. É o Projeto Fiat 363, cujo modelo deverá ser revelado ainda este mês, na final do Big Brother Brasil 2021. O carro, inclusive, será um dos prêmios do vencedor do reality show. Entretanto, o lançamento do inédito SUV da Fiat ocorrerá no 2º semestre. Feito sobre a plataforma do hatch Argo e do sedã Cronos, o SUV será o responsável por estrear o inédito propulsor 1.0 GSE turbo da Stellantis. Esse motor será combinado ao novo câmbio do tipo CVT, que será outra novidade da marca italiana. A expectativa é de que o conjunto entregue potência em torno de 130 cavalos de potência, e torque máximo entre 17 mkgf e 19 mkgf.


Leia também: