Latam amplia operações no RN

Publicação: 2019-07-27 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A Latam Airlines Brasil ampliou em 16% o volume de voos chegando e partindo de Natal para aderir aos novos incentivos para redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre o querosene de aviação no Rio Grande do Norte.  Os novos voos serão operados a partir de 4 de agosto, ampliando de 80 para 93 voos a operação semanal da companhia no Rio Grande do Norte.

Novos voos ampliarão opções de horários de Natal para São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza
Novos voos ampliarão opções de horários de Natal para São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza

“Os novos incentivos viabilizam os investimentos e fortalecem a competitividade do setor aéreo. É uma medida fundamental para o desenvolvimento sustentável da aviação no Rio Grande do Norte, contribuindo para seu desenvolvimento econômico, em especial o setor do turismo, indústria em que o Estado é uma das maiores referências do país”, afirmou Jerome Cadier, CEO da Latam Brasil.

O Governo do Estado assinou, no dia 18 de junho, um decreto que estabelece novas novas regras para a redução da cobrança de impostos no querosene de aviação (QAV). O novo regime de concessão especial de tributação para as companhias aéreas estipula cinco alíquotas do ICMS (Imposto sobre operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicação) que incide sobre o combustível, partindo dos atuais 12% e podendo chegar a até 0%.

O mais novo decreto substitui o Nº 24.979/2015 que reduziu a alíquota do ICMS incidente sobre o combustível. Ao longo da vigência desse decreto, ao invés de atrair mais passageiros, turistas e voos, o Estado perdeu visitantes, viu o número de movimentação de aeronaves no Aeroporto Int. Gov. Aluízio Alves retroceder e renunciou, ao longo de três anos de vigência da norma, a R$ 32,7 milhões em ICMS às aéreas. No mesmo período, o consumo de QAV caiu 13,94% (-11,076 milhões de litros).

A concessão do novo benefício está vinculada ao cumprimento de metas, que inclui aumento e regularidade de voos, inclusive internacionais. E mais: as operadoras que não cumprirem terão de devolver o imposto retroativo. 

“O estado de São Paulo é o maior polo emissor de turistas para o Rio Grande do Norte e o aeroporto de Guarulhos é o principal centro de conexões de voos da Latam, de onde a companhia opera mais de 280 voos diários com 57 destinos no Brasil e no exterior. O incremento na malha aérea do Rio Grande do Norte, partindo principalmente de Guarulhos, será fundamental para aumentar a competitividade do nosso Estado em relação a outros destinos”, declarou a secretária estadual de Turismo do Rio Grande do Norte, Aninha Costa.

Azul
A Azul Linhas Aéreas deu início à venda de bilhetes aéreos para os novos voos que irá operar no Rio Grande do Norte. O Estado vai ganhar frequências diárias para as cidades de Recife e de Campinas, no interior de São Paulo. No total, serão 1.708 novos assentos semanais, sendo 490 no trecho que liga Recife a Natal, com início da operação em 24 de setembro, e 1.218 nos voos oriundos do aeroporto de Viracopos, a partir de dezembro deste ano.

De acordo com dados da Azul Linhas Aéreas, atualmente o trecho de Recife para Natal possui 1.960 assentos por semana. Com o incremento de 490 novos assentos, estarão disponíveis um total de 2.450 lugares semanalmente. Já no caso de Viracopos, os 292 assentos por semana ganharão o incremento de 1.218 assentos, chegando em um total de 1.510 lugares.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários