Lei que exige nível superior para militares estaduais será enviada para ALRN

Publicação: 2017-10-06 18:54:00 | Comentários: 0
A+ A-
A nova Lei de Ingresso dos militares estaduais, que exigirá diploma de nível superior para praças e de bacharel em Direito para oficiais, será enviada na segunda-feira (9) para a Assembleia Legislativa. A mudança atende um pleito da secretária da Segurança do RN, Sheila Freitas, e dos comandantes da Polícia Militar (PMRN), coronel Osmar de Oliveira, e Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN), coronel Sócrates Vieira.
Mudanças não irão valer para o edital do próximo concurso da PM
De acordo com a Sesed, a mudança não vai afetar o edital do concurso para praças da Polícia Militar que será lançado nos próximos dias, exigindo nível médio para os candidatos.

A secretária Sheila Freitas afirmou que o Governo está agindo em consonância com as entidades representativas dos militares estaduais. “A Lei de Ingresso é muito importante, um pleito que recebemos do comando da PM e Corpo de Bombeiros e fizemos essa proposta para as associações. Como precisamos de uma contratação rápida e já estamos de um edital para ser lançado, vamos fazer primeiro para nível médio e os próximos para nível superior”.
 
Os comandantes do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar destacaram o avanço que a medida significa para as corporações. “A modificação da Lei significa um grande avanço para as corporações e foi conseguida após entendimento dos comandantes do CBMRN e PM com a secretária Sheila e o governador Robinson”, disse o coronel Osmar. “Tudo isso está sendo feito visando o aperfeiçoamento dos servidores e futuros servidores para a prestação de um melhor serviço para a população”, completou o coronel Sócrates.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários