Cookie Consent
Esportes de Primeira - Itamar Ciríaco
Libra
Publicado: 00:01:00 - 26/05/2022 Atualizado: 22:22:12 - 25/05/2022
Itamar Ciríaco: itamar@tribunadonorte.com.br

Em breve, não terá mais como escapar. Os clubes deverão se ver “obrigados” a aderir a Liga “Libra”. Apesar de muitos verem como a grande saída para o futebol brasileiro profissional, eu tenho algumas reservas e a principal delas diz respeito ao risco de aumento do desequilíbrio entre as forças. Acredito que, sem a influência da “força política”, a famosa “lei do mais forte” vai falar ainda mais alto e os pequenos vão ficar ainda mais distantes dos grandes. Todos olham como exemplo, o futebol inglês, no entanto, ninguém observa que, mesmo em um país onde a economia é forte, existem apenas três ou quatro clubes capazes de brigar por algo. Vez por outra aparece um clube atrevido, que recebeu um investimento de um bilionário russo, ou de um árabe cheio de petrodólares. Por aqui, dificilmente esse tipo de investimento vai aportar. Imaginem nos clubes pequenos, como os nossos. Sem a mediação das federações, via Confederação Brasileira de Futebol – CBF, sinto que os pequenos ficarão ainda mais sem voz. Bem ou mal, a política ainda é a melhor forma de se equilibrar as coisas. Com a Liga, sai o elemento político e foca-se exclusivamente no financeiro. Será que vai dar para competir?

Superação
A palavra foi escolhida pelo amigo Ricardo Silva no Tribuna Esporte da rádio Jovem Pan News Natal para apontar um caminho ao América, no jogo contra o Icasa, sábado, no interior cearense. E é isso mesmo. O Alvirrubro terá que ter uma ação superior, um algo a mais que tem que chegar através do grupo de jogadores. O time ainda não conseguiu mostrar essa força na temporada. Na realidade, o Alvirrubro só se superou em duelos contra o rival ABC. Em 2022, desde o primeiro jogo, quando tropeçou no Potyguar de Currais Novos, que o América vem mostrando “habilidade” em sofrer com clubes de menor expressão. Naquele jogo, após o apito final, ainda no estádio Coronel José Bezerra, um irritado Renatinho Potiguar já dizia que o Alvirrubro precisa saber se comportar diante de qualquer rival. Ou seja, o time não poderia “escolher” qual jogo jogar. Até aqui, quase seis meses depois, o Alvirrubro ainda não entendeu a realidade que é encarar rivais como São Paulo Crystal, Afogados, Retrô, Força e Luz, etc.

Longo tempo
Uma pena a contusão do meia-atacante do ABC, Allan Dias, que precisará de pelo mais seis semanas só de tratamento, sem pensar em bola, ou coisa parecida. A presença do jogador como opção seria muito importante na campanha do Alvinegro pela Série C do Campeonato Brasileiro. A essa altura da temporada, com poucos recursos em caixa, é impossível que o clube consiga um jogador do mesmo nível, com o o mesmo salário recebido pelo atleta.

Super Matutão
Além da reunião em Natal e São José do Mipibu, a caravana do Super Matutão, que será realizado pela FNF ainda vai passar pelas regiões do Trairi, Seridó, Oeste, Alto Oeste, Central e do Mato Grande, visitando cidades polo como Santa Cruz, Currais Novos, Caicó, Pau dos Ferros, Mossoró, Apodi, Assu e João Câmara. O Super Matutão deverá começar entre a segunda quinzena de junho e a primeira de julho.

Assédio
Didier Ollé-Nicolle, treinador do time de futebol feminino do Paris Saint-Germain, foi suspenso provisoriamente após ser acusado por jogadoras de apresentar um "comportamento inapropriado" no dia a dia de trabalho. O afastamento foi anunciado em comunicado oficial emitido pelo clube nesta terça-feira.

Mensagem
Uefa e Adidas revelaram a bola que será utilizada na decisão da Liga dos Campeões, entre Real Madrid e Liverpool, no sábado. Ela será branca, com traços prateados, mas sem relação com a cor do time merengue. Trata-se de um alerta ao mundo contra as guerras e trará a palavra "peace" ("paz" em inglês), como protesto contra a invasão da Rússia à Ucrânia. Ultimamente, as bolas escolhidas para as decisões da Liga dos Campeões traziam apenas referências aos times da decisão e a palavra "final" com a cidade do palco da decisão. Desta vez, a Uefa e a Adidas se uniram para mandar a mensagem ao mundo.

Basquetebol
Auxiliar de Gustavo de Conti na seleção brasileira e membro da comissão técnica do Brooklyn Nets, da NBA, Tiago Splitter terá sua primeira experiência como treinador principal. Ele foi escolhido pela Confederação Brasileira de Basquete para comandar o Brasil na primeira edição do Globl Jam, torneio sub-23 masculino, em Toronto, entre os dias 5 e 10 de julho, ao lado de Canadá, Estados Unidos e Itália.

Juvenal Lamartine 
O estádio Juvenal Lamartine está com um gramado que é um verdadeiro tapete, de fazer inveja a muito estádio FIFA. Além disso, a estrutura externa foi toda recuperada e o local está apto para receber partidas de futebol e outros esportes, muito melhor do que alguns locais onde ABC e América têm jogado nas Séries C e D do Campeonato Brasileiro. Está na hora do Governo do Estado tomar a melhor decisão e permitir que o local seja administrado pela FNF para que o JL tenha a sua finalidade respeitada: o esporte. Qualquer outra destinação que pretendiam, ou ainda pretendem dar, é um tiro no peito da história do futebol potiguar e de sua memória. O estádio do Tirol foi berço dos principais craques do RN e deu origem a tradição dos nossos clubes. Isso não pode ser esquecido.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte