Natal
Licitação da obra revitalização da Pedra do Rosário é adiada
Publicado: 00:00:00 - 22/01/2022 Atualizado: 23:30:10 - 22/01/2022
A revitalização da Pedra do Rosário na zona Leste de Natal ainda não teve iniciado o seu processo licitatório. Esse passo estava previsto para a primeira quinzena de janeiro, mas até o momento a licitação não foi publicada. Segundo a secretária Joanna Guerra, titular da pasta municipal de Planejamento, o atraso se deu pelo recebimento de uma complementação de recursos para a obra, no valor de R$ 8.617.337,00, que demandou alterações no projeto. A obra faz parte do projeto de revitalização da Ribeira e conta com o investimento de R$ 28 milhões provenientes do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Segundo a Sempla, a licitação possivelmente deve sair em fevereiro ou março.
Magnus Nascimento
Revitalização terá como primeiro passo a urbanização do entorno da Pedra do Rosário, com a reforma da praça

Revitalização terá como primeiro passo a urbanização do entorno da Pedra do Rosário, com a reforma da praça


Ao todo, a obra conta com R$ 28.700.478,00 de recursos assegurados para investimentos na área. De acordo com a secretária,  uma complementação de recursos para a obra foi recebida no final de dezembro, no valor de R$ 8.617.337,00. Com isso, a licitação prevista para a primeira quinzena de janeiro precisou ser ajustada. “Foi necessário realizar uma revisão do projeto, o que nos permitirá intervir em uma área maior do bairro. O projeto inclui a requalificação da Pedra do Rosário, Av. do Contorno, Cais da Tavares de Lira, Av. Duque de Caixas e rua Chile. Trata-se de um contrato só. Atualmente, estamos, então, concluindo a revisão dos projetos, considerando o incremento de recursos e, tão logo os projetos sejam aprovados pela Caixa Econômica Federal, a obra será licitada. Sem dúvidas, essa intervenção auxiliará na revitalização do bairro da Ribeira, tão importante pra cultura e história da cidade de Natal”, explicou.

Com a licitação lançada, a primeira parte do processo deve concentrar os esforços na urbanização do entorno da Pedra do Rosário,  reformando a praça em sua parte superior, a escadaria e o monumento em si, uma coluna com a imagem de Nossa Senhora da Apresentação, padroeira de Natal, às margens do Rio Potengi. Atualmente, as estruturas do local encontram-se bastante deterioradas, com corrimões e vigas de sustentação enferrujados. Apesar das faixas de interdição, nada impede o acesso ao monumento. Tradicionalmente, a Pedra é palco de celebrações religiosas para honrar a padroeira da capital potiguar.

A titular da Sempla comenta que a ideia é implantar um parque linear com praças e conexões urbanas para resgatar a relação de Natal com o Rio Potengi. “A revitalização da região da Cidade Alta e do Centro Histórico será incrementada pela transformação da Av. do Contôrno, reforçando a mobilidade ativa, pedestres e bicicletas e, principalmente, a criação da estação turística Pedra do Rosário. A região precisa de um uso consistente que sustente uma dinâmica cotidiana independentemente de um evento programado, e que fomente a economia através do turismo de lazer e religioso”, afirma.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte