Livro relembra trajetória e ideias de Sophia Lyra

Publicação: 2019-05-10 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Maior estudiosa da obra da escritora Sophia Lyra, a professora doutora e historiadora Maria Arisnete Câmara de Morais lança nesta sexta-feira (10), a partir das 18h, no Instituto Histórico e Geográfico do RN (Cidade Alta), o livro “Sophia Lyra – Entre a Literatura e a História”. A obra chega exatamente no ano em que se completa uma década do falecimento de Sophia.

Segundo a autora, os textos que compõem o livro foram apresentados em seminários e mesas redondas, mas que reunidos dão um panorama mais mais completo da vida e obra de Sophia Lyra. A personagem tema da pesquisa é autora de vários livros que retratam costumes da sociedade brasileira entre momentos que vão do Brasil Imperial ao Republicano. Uma de suas obras mais conhecidas é “Vida íntima das moças de ontem” (1980).

Sophia Lyra nasceu em 1903, no Rio de Janeiro. Era a filha mais velha do ex-senador e governador do RN, Augusto Tavares de Lyra, e foi casada com Roberto Tavares de Lira, ministro da Educação e Cultura do Presidente João Goulart. Sobre sua família, escreveu “O Maior e o Melhor dos Lyras”. Sophia faleceu no Rio de Janeiro, em novembro de 2009. Na academia Macaibense de Letras, ela é a patronesse da cadeira nº 25, justamente a ocupada pela escritor e historiadora Maria Arisnete Câmara de Morais.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários