Cookie Consent
Política
Em Natal, Lula diz que vai "abrasileirar" os preços dos combustíveis. Assista
Publicado: 18:57:00 - 16/06/2022 Atualizado: 20:57:14 - 16/06/2022
Em ato político promovido no estacionamento da Arena das Dunas, em Natal, na noite desta quinta-feira (16), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que - caso eleito - vai "abrasileirar" os preços dos combustíveis no Brasil. A declaração é uma crítica à atual política de preços da Petrobras, que mantém os preços da gasolina e demais produtos em paridade com o dólar, o que em parte provoca a elevação dos valores.

O pré-candidato do PT à Presidência disse ainda que planeja fazer com que os trabalhadores por aplicativos tenham direitos trabalhistas, como direito a férias e a 13º. Ele explicou que não tem nada contra as empresas donas dos aplicativos, mas que não tinha como aceitar que esses trabalhadores permanecessem sem direitos.  

O ex-presidente Lula chegou às 18h53 no estacionamento da Arena das Dunas para o último ato público em Natal, depois de participar da reunião dos governadores do Nordeste e da Feira de Agricultura Familiar, no período da tarde. 
Alex Régis

Leia Mais

Em companhia dele, a governadora Fátima Bezerra (PT) e o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pré-candidato do PSB a vice-presidente numa composição com o Partido dos Trabalhadores.
Alex Régis


Fátima Bezerra disse no ato público que "o momento que o país passa é tão grave", que se fazia "necessário esse movimento mais amplo de alianças", que trouxe Geraldo Alckmin para seu lado. Inspirado nesse movimento é que ela justificou, com alguns protestos na multidão, a aliança com MDB e PDT no Rio Grande do Norte, trazendo o deputado federal Walter Alves para ser o futuro vice dela e Carlos Eduardo Alves para disputar o Senado.

Durante o início de sua fala, Lula pediu um minuto de silêncio em nome da liberdade, democracia e dignidade em homenagem ao indiginista e jornalista inglês mortos na Amazônia. O pré-candidato disse que o governo vai colocar de novo o povo no orçamento e o rico no imposto de renda. Também afirmou que vai voltar "a abrasileirar" o preço da gasolina, tirando a paridade do dólar sobre o preço final do combustível e que vai criar normas trabalhistas para operadores de aplicativos, como Uber.

Alex Régis


Mesmo sem ser muito estridente, a militância chegou a apupar a menção dos nomes de novos aliados do MDB e PDT e até de Geraldo Alckmin. O pre-candidato do PSB a senador, deputado federal Rafael Motta foi aplaudido.

Presentes o deputado federal Walter Alves, pré-candidato a vice na chapa de Fátima e o ex-senador Garibaldi Alves Filho, o pre-candidato a senador do PDT, Carlos Eduardo Alves  e ainda senadora Zenaide Maia e senador João Paul Prates, deputada federal Natália Bonavides e o vice-governador Antenor Roberto de Medeiros (PC do B), deputados estaduais Francisco do PT e Isolda Dantas (PT), vereadoras Brisa Bracchi e Divaneide Basílio (PT), prefeitos do PT em cinco municípios, dentre outros representantes partidários.

Acompanhe:

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte