Manifestantes contra e a favor do impeachment vão às ruas

Publicação: 2016-04-16 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Em Natal, haverá manifestações favoráveis e contra o impeachment neste domingo. Os movimentos que defendem o afastamento da presidente e os que são favoráveis à manutenção dela no cargo organizaram atos em pontos da cidade com telão para acompanhar, com transmissão ao vivo, a votação que recomenda o impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Alex RégisManifestantes que querem o impeachment retornam as mobilizações neste domingoManifestantes que querem o impeachment retornam as mobilizações neste domingo

O aparelho de segurança do Estado  vai colocar nas ruas, já a partir das 8 horas do domingo (17), 450 homens da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, a fim de garantir a segurança dos manifestantes pró e contra a saída da presidente.

Por questões de segurança e de prevenção contra qualquer ato de violência entre os manifestantes que defendem ou são contra o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, o movimento “Vem pra rua” alterou o local para o acompanhamento da votação na Câmara Federal, a partir das 14 horas deste domingo (17).

Ao invés de ocorrer  em frente ao shopping Midway Mall, nos cruzamentos das avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho, em Lagoa Seca, a concentração foi transferida para a Praça Pedro Velho, entre as ruas Potengi e Trairi, com a avenida Prudente de Morais, no Tirol.
Alex RégisMilitantes que querem a permanência da presidente voltam às ruas neste fim de semanaMilitantes que querem a permanência da presidente voltam às ruas neste fim de semana

Um dos organizadores do movimento “Vem pra rua”, Arthur Dutra, explicou que a mudança de local foi uma recomendação da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, “dado ao acirramentos dos ânimos” das campanhas pró e contra o impeachment.

Dutra afirmou que “é mais seguro” o distanciamento entre as pessoas que defendem ou não defendem o afastamento da presidenta da República, vez que no domingo, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o  Partido dos Trabalhadores (PT) e outras instituições têm uma programação prevista para a praça da Árvore, em Mirassol.

Já a Frente Brasil Popular não fez nenhuma mudança na sua programação anti-impeachment, que inclui uma carreata a partir das 14 horas deste sábado (16), saindo da Via Costeira, em Mãe Luiza e terminando no conjunto Amarante, na Zona Norte. Já no dia da votação do impeachment, haverá um ato público - “Cultura na praça”, em Mirassol, na Zona Sul de Natal.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários