Marcado por acidente com Sainz, Vettel é o mais veloz no 1º treino livre no Japão

Publicação: 2017-10-06 07:01:00 | Comentários: 0
A+ A-
As atividades do GP do Japão de Fórmula 1, a 16.ª de 20 etapas da temporada de 2017, começaram na noite desta quinta-feira (no horário de Brasília), manhã de sexta do outro lado do mundo, com a realização da primeira sessão de treinos livres. Nela, o piloto alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, foi o mais rápido, seguido pelo inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, e pelo australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull.

Com os pilotos fazendo as suas primeiras experiências no circuito de Suzuka para o treino oficial de classificação, neste sábado, e para a corrida, no domingo, o destaque do treinamento foi o acidente com o espanhol Carlos Sainz Jr, da Toro Rosso, faltando pouco mais de 35 minutos para o final da sessão, que causou uma paralisação de cerca de 10 minutos para a retirada dos destroços do carro.

O piloto da Espanha saía da curva 11 quando saiu um pouco na zebra, perdeu a traseira do seu carro e foi projetado com força contra a barreira de proteção. Apesar da destruição no carro, nada sofreu e saiu do cockpit sem problemas. A notícia ruim é que provavelmente terá de pagar 20 posições de punição pela troca de diversos componentes do motor.

Entre os primeiros colocados, a ameaça de chuva não se concretizou - ela veio apenas nos cinco minutos finais da atividade - e Sebastian Vettel conseguiu a melhor marca com 1min29s166 e foi seguido de perto pelo seu rival no campeonato, Lewis Hamilton, que fez o tempo de 1min29s377. Na tabela de classificação, o piloto da Ferrari está 34 pontos atrás do inglês (281 a 247). Daniel Ricciardo foi o terceiro colocado com 1min29s541.

O finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, foi outro que conseguiu um tempo no mesmo segundo dos três primeiros colocados (1min29s638). Na sequência vieram o também piloto da Finlândia Valtteri Bottas, da Mercedes; o holandês Max Verstappen, da Red Bull; o francês Esteban Ocon, da Force India; o alemão Nico Hulkenberg, da Renault; o também francês Romain Grosjean, da Haas; e o belga Stoffel Vardoorne, da McLaren.

Com dificuldades em sua Williams, o piloto brasileiro Felipe Massa conseguiu apenas o 16.º melhor tempo (1min31s912) da primeira sessão de treinos livres no GP do Japão.

Estadão Conteúdo

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários