Natal
Mesmo com nova variante circulando, Réveillon em Natal está mantido
Publicado: 09:55:00 - 01/12/2021 Atualizado: 09:58:16 - 01/12/2021
Enquanto algumas das capitais do país decidiram pela suspensão das festas de réveillon temendo a propagação da variante ômicron, Natal segue com a programação mantida. Até a manhã desta quarta-feira (1º), o Município ainda não havia discutido sobre a possibilidade de suspensão das atividades previstas. 
Divulgação
Natal marcou para dia 14 de dezembro licitação para queima de fogos

Natal marcou para dia 14 de dezembro licitação para queima de fogos

Em outubro, com a situação da pandemia considerada favorável - como é a situação do momento -, a Prefeitura anunciou realização de um pregão eletrônico para o dia 14 deste mês para a contratação da empresa responsável por realizar a queima de fogos no Réveillon. 

Até a terça-feira, já haviam cancelado o réveillon Fortaleza (CE), Salvador (BA), João Pessoa (PB), Recife (PE), Aracaju (SE), Belo Horizonte (MG), Florianópolis (SC), Campo Grande (MS), São Luís (MA), Palmas (TO), Curitiba (PR) e Brasília (DF). As outras cidades ainda não se pronunciaram sobre a manutenção ou cancelamento. Em Natal, até agora, não há uma reunião prevista para tratar do tema.

Pelos decretos em vigor, tanto da Prefeitura do Natal quanto do Governo do Estado, está liberada a realização da festa. Um cancelamento de queima de fogos ou outras programações por parte do Poder Público não necessariamente afetariam a realização de efstas privadas que já estão programadas para a cidade.

O comitê científico do Estado vai analisar a situação da pandemia na próxima segunda-feira (6), em sua reunião semanal ordinária. Do encontro pode sair algum tipo de orientação com relação aos festejos de fim de ano. Pelo lado do Município, contudo, não há a confirmação se haverá uma discussão acerca da situação com a nova variante do coronavírus.

Programação

Em outubro, a Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte) informou que a previsão, que está mantida, é de shows pirotécnicos na Ponte Newton Navarro, na Redinha, e na praia de Ponta Negra. O gasto previsto é de R$ 2,8 milhões com a queima de fogos.

A intenção do Executivo é unificar a queima de fogos de alguns hotéis da região ao show pirotécnico da balsa em alto-mar. Somente entre o material previsto a ser contratado pela Prefeitura de Natal estão 27,3 mil fogos do tipo morteiro (de 2”, 2,5”, 3”, 4”, 5” 6”), além de 150 unidades de fogos do tipo tortas de 300 tubos – leque, 105 unidades  de fogos do tipo tortas de 120 tubos – efeito reto, 75 unidades  de fogos do tipo tortas de 157 tubos – show da virada e 100 unidades de fogos do tipo tortas adrenaliner 66 tubos.

A licitação prevê, ainda, o fornecimento de 105 girândolas – 180 cores e de 105 girândolas – 468 cores. A empresa contratada deverá fornecer, também, dois barcos de vigilância e apoio à operação, com mão de obra especializada e duas balsas flutuantes. Se não houver impugnação ao edital, a empresa que realizará o show pirotécnico será conhecida no dia 14. 

Réveillons

Para este ano, diversos hotéis da Via Costeira e Ponta Negra confirmaram a realização de festas. Além deles, restaurantes da zona Sul têm programação e apostam na queima de fogos na praia como um atrativo aos turistas e natalenses que tiverem a intenção de festejar a passagem do ano. Festas privadas também já confirmaram a programação, a maior parte também no bairro de Ponta Negra.

Já para o interior do Rio Grande do Norte, Pipa e São Miguel do Gostoso têm programações extensas para os últimos dias do ano, incluindo shows de artistas de renome nacional.

Até o momento, nenhum dos municípios onde ocorrerão as maiores festas se pronunciaram sobre a possibilidade de cancelamento dos eventos.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte