Ministro Celso de Mello autoriza acesso a vídeo de reunião ministerial

Publicação: 2020-05-22 17:14:00
A+ A-
O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou o acesso ao vídeo da reunião ministerial realizada no dia 22 de abril, no Palácio do Planalto. A decisão foi tomada no Inquérito 4831, em que se apuram declarações feitas pelo ex-ministro Sérgio Moro acerca de suposta tentativa do presidente Jair Bolsonaro de interferir politicamente na Polícia Federal. Com a decisão, qualquer cidadão poderá ter acesso ao conteúdo do encontro de ministros com o presidente Jair Bolsonaro. O vídeo está no site do STF.

Créditos: Nelson Jr./SCO/STFMinistro autorizou acesso a vídeo de reunião ministerialMinistro autorizou acesso a vídeo de reunião ministerial

O decano autorizou, ainda, o acesso à íntegra da degravação do vídeo. A única restrição imposta foi a trechos específicos em que há referência a dois países com os quais o Brasil mantém relação diplomática.

O vídeo e a degravação reunião ministerial foram disponibilizados através de links no site do STF, mas apresentaram problemas. A decisão de Celso de Mello conta com 55 páginas. Veja na íntegra clicando aqui.

A reunião ministerial foi citada pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro em depoimento à Polícia Federal, no início do mês, como suposta prova da interferência. A defesa do ex-ministro havia se manifestado pedindo a divulgação do vídeo. 

A página do STF no Twitter a decisão do decano:









Deixe seu comentário!

Comentários