Mistério

Publicação: 2017-04-01 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A pergunta que não quer calar: por que será que o prédio do antigo Hotel Reis Magos está abandonado desde o fechamento, em 2001, e até hoje providências não foram tomadas para que o proprietário, pernambucano, reorganize o prédio?

Pensando bem
A contar que o prédio, além de enfeiar um dos pontos mais nobres dos potenciais turísticos da capital dos magos-desisteressados, é foco de pragas (mosquitos, ratos, baratas, escorpiões etc).

Ou seja
Se o poder público quisesse realmente resolver o problema, teria o poder da vigilância sanitária para exigir providências. Por exemplo.

Operandi
Em entrevista no programa Bate-Papo da Cidade (94FM), o empresário Mário Barreto citou um pequeno exemplo sobre o poder da viligância sanitária: fechou por quatro dias uma farmácia no Plano Palumbo ao constatar que um termômetro não cumpria as medidas exigidas.

Pois bem

Como permitir que um imóvel fique fechado por 16 anos sem providências, principalmente de limpeza? Causa problema de saúde para toda a comunidade da área.

Acredite

Dia desses, por exemplo, uma cobra jiboia, que era criada no local, escapou e entrou em casas da redondeza.

Aliás

Até mesmo o Ibama poderia ter feito uma intervenção, diante da proibição de se criar tal animal.

Ideia

Indagado sobre que sugestão daria para o local, Mário Barreto disse que o proprietário, renomado cirurgião plástico casado com a herdeira de uma das famílias mais tradicionais e ricas do País, a Brennand, poderia transformar o imóvel num belo museu, a exemplo do fantástico Instituto Ricardo Brennand, no Recife, considerado um dos maiores e mais respeitados do mundo.

Em tempo

O empresário atentou que os poderes públicos não têm mais condições de bancar museus, e que a tendência em todo o mundo são museus administrados por iniciativa privada.

Pois é
Muito se fala na derrubada ou não do imóvel de arquitetura do modernismo, mas os poderes públicos, inclusive o Ministério Público, ainda não tomaram providências para exigir do proprietário uma solução.

A propósito...

Quem acredita no interesse de um médico rico de Pernambuco por investir em um imóvel capenga numa área depredada como a orla urbana de Natal?

Ah!
É lembrar que está abandonado e ele não gasta nada. A não ser o salário de um funcionário que mora no local. Não paga impostos, por causa de um acordo que fez, há anos, com a prefeitura da capital-potengi, que concedeu isenção com a condição de recuperar o imóvel e colocar para funcionar. Pois é.

Cuidado com juros
É comum o atraso do Correios na entrega de boletos de cobrança. Motivo: empresas não estão cumprindo a lei 0277/2009, de autoria do vereador Ney Lopes Jr., que determina às empresas a postarem faturas no prazo mínimo de dez dias anteriores ao vencimento.

Se liga!
Caso a lei for descumprida, o consumidor está isento do pagamento de multa, juros ou atualização monetária.

Mais tempo
O prazo de entrega do Relatório Anual de Atividades de 2016 ao Cadastro Técnico Federal (CTF), do Ibama, foi prorrogado para o dia 31 de maio.

Olhaí

Para facilitar o atendimento ao consumidor, o Procon da Assembleia Legislativa aderiu ao WhatsApp para acolher demandas dos usuários. O aplicativo já vem sendo usado há quase um ano pelo Procon.

Inovação

Lavô, serviço de carro limpo e aspirado em qualquer ponto da cidade, inicia treinamento para interessados na capital-potengi. São cinco tipos de lavagem, que duram entre 35 minutos e uma hora e meia, com produtos sustentáveis.

Boa forma
Membro titular da SBCP, o cirurgião plástico Yuri Afonso vai abrir em Natal a Clínica Louvre, com projeto arquitetônico assinado pela esposa, a arquiteta Zandra Caldas.

Palco
É hoje que o Grupo Vocal canta O Homem da Feiticeira. No palco, os oito cantores do grupo interpretam os sucessos de Carlos Alexandre, com novas roupagens, em duas sessões: às 19h e 20h30, na Escola de Música da UFRN. Ingressos na Escola e no Mahalila Café - R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia-entrada).

Mérito

A empresária Mariana Sepúlveda festeja seis anos da franquia Home Angels Natal Tirol, com crescimento de 12% no ano de 2016, premiação de destaque em 2015 e de fidelidade em 2016 (por ser uma das mais antigas). Empresa que oferece cuidadores de idosos, adultos e crianças, pós-cirúrgicos, gestantes, mães de múltiplos, necessidades especiais, limitações físicas etc. São cerca de 160 franquias pelo Brasil.

« COLMEIA »


Domingo de vivas para o bacana Sérgio Chaves (Mossoró), o corretor Antônio Baía, Ricardo Brito.

O Partage Norte Shopping inicia dia 4 as seletivas do concurso “Solte a Voz”, para encontrar a grande voz potiguar. As apresentações acontecem todas as terças-feiras, 19h, na Praça de Alimentação.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários