Mistura de emoções

Publicação: 2019-05-22 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Roger Gobeth vive uma situação ambígua. Após 20 anos, o ator volta ao universo de “Malhação”. Ao longo dessas duas décadas, Roger foi acumulando experiências na tevê, vivendo protagonistas e personagens de destaque. Apesar da maior maturidade, o ator também carrega um sentimento de iniciante na atual temporada da novela adolescente. “A gente tem de estar disposto a aprender. ‘Malhação’ continua sendo um lugar novo. Por isso, digo que a ‘Malhação’ agora é outra”, defende. Na trama de Emanuel Jacobina, Roger vive Luiz Peixoto, colega de trabalho de Marcos Rodrigo, papel de Julio Machado, na polícia. Os dois se dão bem, mas têm valores diferentes. Peixoto é autoritário e não vê problemas em usar a força, colocando em xeque seu caráter.

Roger Gobeth volta a Malhação para viver o personagem Luiz Peixoto
Roger Gobeth volta a Malhação para viver o  policial Luiz Peixoto

“É um personagem que está com o horizonte um pouco aberto. Pode vir a ter um desvio de conduta ou caráter. Acho legal levantar discussões. Na minha primeira participação em ‘Malhação’, o Touro (personagem na época) discutia a AIDS. Isso há 20 anos”, afirma o ator, que enfrentou um novo tipo de processo de preparação. “Na minha época, não existia esse processo tão longo, mas já tinha leitura. No entanto, era tudo muito rápido. Esse novo processo de preparação é algo riquíssimo do trabalho. Ajudou muito a moldar o grupo”, completa. Após participar de “Malhação” pela primeira vez, Roger voltou a se encontrar com o público infantil. Ao sair da Globo, em 2005, ele protagonizou “Floribella”, na Band. “Tenho muita gratidão por toda a minha trajetória. ‘Floribella’ foi uma novela infantil e fez um enorme sucesso”, lembra.

Lugar paradisíaco
A equipe de “Bom Sucesso”, próxima novela das sete, está em Búzios, município da Microrregião dos Lagos, no Rio de Janeiro. Na trama de Rosane Svartman e Paulo Halm, Marcos, papel de Rômulo Estrela, abre um bar na cidade, chamado Bar do Peter Pan, onde vive de forma livre e despretensiosa. No local, ele conhece Paloma, de Grazi Massafera, com quem tem um encontro arrebatador e inesquecível, e Silvana Nolasco, vivida por Ingrid Guimarães, uma atriz extravagante. Com a piora da saúde do pai, Marcos decide retornar ao Rio de Janeiro.

Data de estreia
Enquanto grava a nova temporada do “Lady Night”, Tatá Werneck poderá ser vista na série “Shippados”. A partir de 7 de junho, a produção estreia para os assinantes da Globoplay. Além de Tatá, a primeira temporada conta com Eduardo Sterblicth, Julia Rabello, Luis Lobianco e Clarice Falcão. O texto é de Alexandre Machado e Fernanda Young.

Cinema em casa
A Globo e a Warner Bros. International Television Distribution renovaram o acordo para a exibição exclusiva de filmes em televisão aberta no Brasil até o fim de 2021. Entre as produções que fazem parte da negociação estão o premiado “Nasce uma Estrela”, “Animais Fantásticos: Os crimes de Grindelwald”, “Megatubarão”, “Oito mulheres e um segredo”, “Rampage – Destruição Total”, entre outros. O acordo inclui ainda os filmes da DC Comics, como “Aquaman”, “Liga da Justiça” e “Shazam”.

Na cesta
A NBA e o Grupo Bandeirantes fecharam um acordo para a transmissão dos jogos das Finais da Temporada 2018-2019 da NBA na Band. O acordo marca o retorno da liga ao canal, após quase 20 anos: as últimas partidas exibidas pela emissora foram nas Finais de 2000, quando o Los Angeles Lakers venceu o Indiana Pacers e sagrou-se campeão.

Foi bem
Para o desempenho de Bia Arantes, que vive a venenosa Valéria em “Órfãos da Terra”, da Globo. A atriz conseguiu construir uma vilã sóbria e com ambição desmedida.

Foi mal  
Para o excesso de reprises do “Vai Que Cola”, do Multishow, ao longo dia. O “sitcom”, que não tem uma temporada inédita no ar, é exibido mais de duas vezes na grade do canal.



continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários