Mix de turismo rural, aventura e 4x4

Publicação: 2017-07-18 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Há 10 anos Jucurutu, na região Seridó, se transforma, uma vez por ano, no centro das atenções dos admiradores e praticantes de atividades off road e de turismo rural, do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará, com a realização do Desafio da Serra de João do Vale, que este ano chega a sua XI edição, com o apoio institucional da Prefeitura municipal da cidade. 

O evento, um misto de turismo rural, de aventura e de disputa indoor valendo como sétima etapa do Campeonato Potiguar de carros fora de estrada, promovido pela Associação Potiguar de Jeeps (APJ), será realizado no período de 18 a 20 de agosto próximo, com novidades em relação aos anos anteriores.

A trilha da Serra é uma das mais difíceis e desafiadoras do País
A trilha da Serra é uma das mais difíceis e desafiadoras do País

Uma delas é uma visita dos participantes às obras de construção da Barragem de Oiticica, que está sendo construída  no distrito de Janúncio Afonso (Barra de Santana), um benefício esperado pela população não só de Jucurutu, mas de toda a região do Seridó, há mais de 50 anos. A outra é a possibilidade de uma prova extra livre noturna, no sábado, depois do desafio da serra pela Trilha do Pacífico, considerada a mais difícil do Estado.

Há seis anos, os jipeiros participantes do evento aproveitam para chamar a atenção do poder público estadual para a necessidade de conclusão do asfaltamento da estrada que liga Jucurutu a João do Vale, que além possibilitar o escoamento da produção agrícola, vai impulsionar o turismo na Serra, uma vez que vai possibilitar os investimentos privados no setor, como pousadas e restaurantes.

Este ano, os jipeiros também vão defender a conclusão da barragem de Oiticica, que será o principal reservatório do Estado para receber a água da transposição do rio São Francisco. “A complementação da estrada asfaltada ligando a sede do nosso município à serra de João do Vale é de fundamental importância para o escoamento da produção agrícola e alavancagem do turismo naquela área, gerando ocupação e renda para a nossa população. Já a barragem de Oiticica, quando estiver pronta será a redenção hídrica não só do nosso município, mas de toda a região do Seridó. Além disso, o reservatório vai evitar as inundações na região do Baixo Açu, quando houver inverno forte”, afirma o prefeito de Jucurutu Valdir Medeiros (Solidariedade).


continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários