Modelo transgênero dá voz a causa no mercado de moda local

Publicação: 2020-06-16 14:47:00
A+ A-
George Azevedo


Destaque na coluna Glam do último domingo ( 14/06 ) a modelo Lana Júlia fala de sua atuação no mercado de moda do Estado, “ Tenho pouco tempo na área, iniciei no concurso Trafego Look em 2019, e confesso, não esperava ir tão longe. Não por falta de confiança, mas as pessoas falavam muito que a agência não iria aceitar e tal. cheguei até a etapa final e desde então venho atuando no mercado. Por conta desse período de isolamento social, estamos todos parados. Mas espero ansiosa que tudo volte ao normal para poder voltar a minha rotina”, falou a modelo de 23 anos e 1,78m.
Créditos: Saulo RochaLana JúliaLana Júlia
Sobre a publicação no último domingo, Lana orgulha-se por ser ter sido a primeira modelo transgênero a participar de um ensaio de moda no conceituado espaço fashion. “ Ainda estou em choque com a repercussão da matéria. E com as mensagens de incentivo que venho recebendo. Fico imensamente feliz em poder ser uma porta voz da causa transgênero no meu Estado”, falou emocionada. 
Créditos: Saulo RochaLana JúliaLana Júlia
Quem é Lana Julia? “ Nasci no dia 28 de maio de 1997, em Natal, sou filha unica, minha mãe trabalha (e trabalhou) desde sempre pra que pudesse me dar uma vida digna. Em 2015 ingressei no curso de Controle Ambiental no IFRN, mesmo ano que comecei minha transição de gênero, eu tinha 18 anos, mas ja havia começado minha terapia hormonal com 15 anos, três anos antes de me reconhecer como Lana”.
Créditos: Saulo RochaLana JúliaLana Júlia
A modelo sonha em fazer uma carreira internacional e está aproveitando o tempo de isolamento social para estudar sobre a profissão e treinar poses e passarela. 
Créditos: Saulo RochaLana JuliaLana Julia