Economia
Mossoró ganha voo para Natal com previsão de se tornar diário
Publicado: 00:00:00 - 24/08/2021 Atualizado: 06:35:55 - 24/08/2021
Cláudio Oliveira
Repórter

Desde essa segunda-feira (23), Mossoró, segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, voltou a ter uma rota aérea para Natal. Às 17h50 a aeronave modelo ATR 72-600, da Azul Linhas Aéreas, que partiu do aeroporto Dix Sept Rosado aterrisou no Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, dando início às operações, com 67 passageiros. A comercialização das passagens começou desde o mês de julho com uma tarifa inicial de R$ 129,63. A intenção da companhia é converter a rota em voos diários, dependendo do comportamento da demanda com o controle da pandemia da covid-19.

fotos: alex régis
Ao pousar na pista do aeroporto, ontem às 17h50, após 46 minutos de voo, a aeronave modelo ATR 72-600 recebeu o tradicional batismo

Ao pousar na pista do aeroporto, ontem às 17h50, após 46 minutos de voo, a aeronave modelo ATR 72-600 recebeu o tradicional batismo



Ao pousar na pista do aeroporto após 46 minutos de viagem, a aeronave recebeu o tradicional batismo. Em seguida, os passageiros desembarcaram. O guarda municipal, Klésio Albuquerque, era um destes e se mostrou satisfeito com a nova rota. "Foi uma viagem bem tranquila e rápida e com certeza vai ser um voo muito procurado pela população de Natal e Mossoró que estava na expectativa. Pretendo, inclusive, voltar a utilizar essa rota e recomendo", disse ele que garantiu ter comprado a passagem por menos de R$ 100, através de um programa de milhas aéreas.

O voo tem três frequências semanais nas segundas, quartas e sextas-feiras. A aeronave tem capacidade para 70 passageiros. "Nós queremos conectar o Rio Grande do Norte com o Rio Grande do Norte e é isso que estamos fazendo agora com a primeira e a segunda cidade do Estado. Cada dia temos que pensar que haverá mais pessoas viajando para podermos disponibilizar mais voos e quem sabe tornar este um voo diário", destacou o CEO da Azul Linhas Aéreas, John Rodgerson.

Alex Régis
John Rodgerson (Azul) e Fátima Bezerra no lançamento do voo

John Rodgerson (Azul) e Fátima Bezerra no lançamento do voo



O executivo destacou que a iniciativa é parte do plano de fortalecimento das ligações domésticas da companhia e acontece em parceria com o governo do Estado, que, pleiteou a operação junto à empresa. O plano se baseou na procura atual e pode ser alterada se a demanda diminuir, porém a expectativa do presidente da empresa é positiva. "A retomada começou, sendo assim esperamos colocar mais voos no ar, gerando mais empregos e mais oportunidades. Vamos lembrar que estamos numa pandemia ainda e mesmo assim colocamos voo que nem tínhamos antes, o que prova o esforço que a Azul está tendo para colocar mais voos no ar", disse Rodgerson.

O trabalho do Governo vem sendo articulado desde 2019 entre as equipes da Setur/RN, Emprotur e Tributação. A governadora Fátima Bezerra considerou o momento como histórico e disse que vai fortalecer a interiorização do turismo potiguar. "Mossoró tem um extraordinário potencial para o turismo de negócios e vamos estimular o turismo de lazer no âmbito de uma região que tem uma vocação econômica importante que é o chamado Polo da Costa Branca", frisou Fátima Bezerra.

Alex Régis
Klésio Albuquerque fez a rota Mossoró-Natal

Klésio Albuquerque fez a rota Mossoró-Natal



O último voo direto de Natal pra Mossoró era operado pela companhia aérea pernambucana Noar Linhas Aéreas. Partia de Natal para Mossoró, mas tinha origem em Recife/PE, passando antes por João Pessoa/PB. Contudo, essa rota deixou de ser feita desde que a empresa deixou de operar após um trágico acidente na praia de Boa Viagem, no Recife /PE, em 2011, que vitimou os 14 ocupantes da aeronave mais os dois pilotos.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte