Mostra: Paulo Dumaresq exibe curtas

Publicação: 2019-06-04 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
“O essencial é invisível aos olhos”. A frase extraída do livro O Pequeno Príncipe, do escritor e aviador francês, Antoine de Saint-Exupéry, traduz a essência da Trilogia da Invisibilidade, projeto audiovisual do cineasta Paulo Dumaresq iniciado com o curta documental Catarro (p&b, 11 min, 2018), e este ano prossegue com o lançamento de Cidadãos Invisíveis (p&b, 24 min, 2019), com foco no tema da cegueira social.

Os dois filmes serão exibidos na quarta-feira (5), às 20h e 21h, no Bardallo’s Comida & Arte. Paulo Dumaresq conta que pretende fechar a trilogia até o próximo ano, mas agora a próxima personagem será uma mulher, que more ou trabalhe nas ruas do centro histórico. O escopo é lançar luz sobre o tema da invisibilidade.

“Pessoas ricas de vida, conhecimento e ignoradas são, na maioria das vezes, invisíveis aos olhos da sociedade. E a trilogia é para chamar a atenção sobre a rejeição e o preconceito que os anônimos sofrem, que por algum infortúnio ou necessidade de sobrevivência são lançados à marginalidade. Não são personagens necessariamente em situação de rua”, esclarece o realizador audiovisual.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários