Motorista é morto em terminal de ônibus

Publicação: 2018-03-14 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O motorista de ônibus Francisco Antônio Virgílio Palhares, de 39 anos, foi assassinado na manhã desta terça-feira (13) no terminal de ônibus de Nova Natal.  Alvejado por dois tiros, o motorista chegou a ser socorrido ao Hospital Santa Catarina, passou por cirurgia de emergência, mas não resistiu. O crime aconteceu por volta das 7h30, e de acordo com testemunhas o autor dos disparos chegou atirando e não levou nenhum pertence da vítima. O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. O motorista trabalhava na empresa Guanabara e fazia a linha 64/43 Nova Natal-Candelária. As razões que motivaram o crime ainda são desconhecidas.

Motorista trabalhava na linha Nova Natal-Candelária
Motorista trabalhava na linha Nova Natal-Candelária

Segundo relatos, dois homens chegaram ao local em uma motocicleta, estacionaram próximo ao terminal de ônibus, e o que estava na garupa desceu sem tirar o capacete já com a arma em punho. Ao todo foram efetuados quatro disparos: um dos tiros acertou o pulmão e outro o fígado de Francisco Palhares, que faleceu no hospital no início da tarde. Além do motorista, havia apenas um passageiro no terminal na hora do crime. De acordo com informações da Polícia Militar, o motorista havia parado para fazer um lanche no terminal quando foi abordado.

“Ele não tinha inimigos, era uma pessoa excelente, se dava bem com todo mundo aqui no trabalho”,  não tinha nada contra”, contou Danilo Araújo, coordenador de terminal. Danilo mostrou a marca deixada por um dos tiros, que atingiu a porta do forno micro-ondas utilizado pelos motoristas e ricocheteou para a parede. Francisco Palhares deixa esposa e dois filhos, uma menina de 13 anos e um menino de 8 anos.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários