Cookie Consent
A partir desta quinta-feira (7), médicos cirurgiões da Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão (SBCM) realizarão um mutirão na capital potiguar com o objetivo de  executar procedimentos em crianças que possuam algum tipo de deformidade grave nas mãos ou membros superiores. A ação vai ser promovida no Hospital Infantil Varela Santiago, localizado no bairro Cidade Alta, Zona Leste de Natal, e Hospital Memorial, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde do RN (SESAP) e Secretaria Municipal de Natal (SMS). 
Divulgação

A mobilização acontece até o dia 10 de julho e vai atender cerca de 25 pacientes adultos e crianças que já foram selecionados no Rio Grande do Norte e estados vizinhos. Para concretizar o trabalho, a Sociedade Brasileira de Cirurgia da Mão selecionou um corpo clínico composto por um especialista em Cirurgia da Mão, além de oito médicos de outros estados e cinco profissionais potiguares.  

A principal motivação para a ação em Natal, segundo a assessoria do Hospital Varela Santiago, resulta da quantidade crescente de pacientes com  sequelas nas mãos e membros superiores. Muitos deles, como consequência da ausência de assistência na capital,estão aguardando para realizar o tratamento em outras cidades, gerando maiores custos às famílias e ao governo. 

A expectativa é que o mutirão consiga promover a qualidade de vida e a funcionalidade dos pacientes com sequelas de traumas complexos que forem atendidos pelo projeto. Além disso, serão realizadas cirurgias em crianças que nasceram com alguma deformidade congênita ou adquirida que trazem limitações de atividades de vida diária e até mesmo “bullying”. 

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte