Nadal sofre em Xangai, mas volta a vencer Dimitrov; Del Potro avança

Publicação: 2017-10-13 10:25:00 | Comentários: 0
A+ A-
Seis dias depois de vencer o búlgaro Grigor Dimitrov em Pequim, o espanhol Rafael Nadal repetiu a dose nesta sexta-feira, no Masters 1000 de Xangai, também na China. Como aconteceu na semana passada, o número 1 do mundo precisou de três sets para superar o rival, com parciais de 6/4, 6/7 (4/7) e 6/3.

Embalado no piso duro, nesta reta final da temporada, Nadal perdeu seu primeiro set em Xangai. Mas não perdeu o saque em nenhum momento da partida contra o atual 9º do ranking. Foram apenas dois break points, que foram salvos pelo favorito. Já Dimitrov perdeu o serviço em dois games.

Como vem acontecendo nestas últimas semanas, Nadal mais uma vez se destacou no saque. Foram seis aces e aproveitamento de 75% dos pontos quando jogou com o primeiro serviço. O rival búlgaro chegou a cravar 13 aces, mas isso não impediu o espanhol de faturar as quebras.

Após superar seu desafio mais complicado até agora em Xangai, Nadal vai encarar na semifinal o croata Marin Cilic. O número cinco do mundo avançou na chave chinesa ao derrotar o espanhol Albert Ramos-Viñolas por 6/3 e 6/4. O vice-campeão de Wimbledon enfrentará Nadal pela sexta vez no circuito. O espanhol leva vantagem, com quatro vitórias, contra apenas uma do croata.

Também nesta sexta, o argentino Juan Martín del Potro se garantiu na semifinal, apesar das dores no punho esquerdo. Mesmo com direito a atendimento médico em quadra, ele bateu o sérvio Viktor Troicki de virada, por 4/6, 6/1 e 6/4.

Del Potro reclamou de dores no local ao longo da partida, principalmente no terceiro set. O punho esquerdo do jogador já foi alvo de três cirurgias e quase abreviou nos últimos anos a carreira do tenista, que voltou a se destacar no circuito nesta temporada, após altos e baixos em 2016 e 2015.

Na semifinal, Del Potro vai encarar o vencedor do duelo entre o suíço Roger Federer e o francês Richard Gasquet, que ainda se enfrentam nesta sexta.

DUPLAS - Os brasileiros Marcelo Melo e Bruno Soares venceram novamente nesta sexta-feira, com seus respectivos parceiros, e se garantiram nas semifinais. Com mais uma vitória das duas duplas, eles se enfrentarão na grande decisão de Xangai.

Soares e o escocês Jamie Murray superaram o sul-africano Raven Klaasen e o norte-americano Rajeev Ram por 6/1 e 7/6 (8/6). Na semifinal, eles vão encarar o finlandês Henri Kontinen, atual número 1 do mundo, e o australiano John Peers.

Já Melo e o polonês Lukasz Kubot despacharam o mexicano Santiago González e o chileno Julio Peralta por 7/6 (7/1) e 6/4. Na sequência, eles terão pela frente o romeno Horia Tecau e o holandês Jean-Julien Rojer.

Estadão Conteúdo

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários