Natal fica de fora e Fifa usará Bezerrão em torneio mundial

Publicação: 2019-07-11 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A Fifa divulgou nesta quarta-feira, de forma oficial em um comunicado, as sedes do Mundial Sub-17, que será disputado no Brasil entre 26 de outubro e 17 de novembro pela primeira vez no Brasil. O estádio Bezerrão, na cidade-satélite do Gama (DF), receberá várias partidas, entre elas as duas de maior destaque: a abertura e a final. O presidente da Federação Norte-rio-grandense de Futebol – FNF, José Vanildo chegou a pleitear, junto à Confederação Brasileira de Futebol, que Natal – Arena das Dunas, fosse uma das sedes da competição, mas não conseguiu.

Estádio Arena das Dunas construído para eventos internacionais fica de fora da competição
Estádio Arena das Dunas construído para eventos internacionais fica de fora da competição

Pela localização dos estádios escolhidos, parece ter pesado a questão das distâncias curtas e das pequenas mais modernizadas praças esportivas. As outras sedes do torneio serão o estádio Olímpico Pedro Ludovico e o estádio da Serrinha, do Goiás, em Goiânia, e o estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES). Além disso, a definição das arenas esteve alinhada com o compromisso do Comitê Organizador Local e da Fifa de levar o Mundial Sub-17 a lugares que nunca haviam recebido um evento da entidade.

O sorteio dos grupos acontecerá nesta quinta-feira, a partir das 10 horas (de Brasília), na sede da Fifa, em Zurique, na Suíça. A posição A1 foi pré-atribuída ao anfitrião Brasil, tricampeão do torneio, que, portanto, disputará a partida de abertura. "Estou convencido de que, com a sua enorme paixão e a sua ampla experiência em organizar eventos esportivos de primeira classe, o Brasil e a CBF serão ótimos anfitriões para a Copa do Mundo Sub-17 da Fifa deste ano", disse o diretor de Torneios e Eventos da entidade, Colin Smith, no comunicado oficial divulgado nesta quarta-feira.

"Acredito que os quatro estádios escolhidos oferecem as instalações e o tamanho certos para esta competição. Estamos muito entusiasmados de levar este torneio a lugares que nunca tinham sediado um evento da Fifa. Graças à excelente cooperação e à contribuição da CBF e do Comitê Organizador Local, tenho certeza de que conseguiremos proporcionar a todas as seleções, torcidas e dirigentes as melhores condições possíveis", completou o dirigente.

O Mundial Sub-17 terá a sua 18.ª edição em 2019. O maior vencedor é a Nigéria com cinco conquistas, sendo a última em 2015. O Brasil vem na sequência com três títulos - 1997 (no Egito), 1999 (na Nova Zelândia) e 2003 (na Finlândia). Essa será a primeira vez que o País receberá a competição, que tem a Inglaterra como a atual campeã. Em 2017, na Índia, bateu a Espanha na final, mas não se classificou para defender a taça.

Os 24 participantes são: Brasil, Austrália, Japão, Coreia do Sul, Tajiquistão, Angola, Camarões, Nigéria, Senegal, Canadá, Haiti, México, Estados Unidos, Argentina, Chile, Equador, Paraguai, Nova Zelândia, Ilhas Salomão, França, Hungria, Itália, Holanda e Espanha.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários