Natalense ferido por tubarão não costumava frequentar praia onde foi atacado

Publicação: 2018-04-16 10:02:00 | Comentários: 0
A+ A-
A família do natalense Pablo Diego Inácio de Melo, atacado por um tubarão na tarde de domingo (15), em Pernambuco, está no Hospital da Restauração, em Recife. A mãe de Pablo Diego, Darlene Inácio de Melo, foi na madrugada desta segunda-feira (16) para ficar próximo ao filho, que estava trabalhando em Jaboatão dos Guararapes. Segundo familiares, o homem de 34 anos não conhecia a praia onde ocorreu o ataque.
Pablo Diego foi atacado por tubarão na praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes
Pablo Diego foi atacado por tubarão na praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes (reprodução/Facebook)

A tia de Pablo Diego, Darleide Inácio de Melo, explicou que Pablo Diego trabalhava em espaços para reabilitação de dependentes químicos pelos Brasil, ligados à igreja evangélica. O natalense havia trabalhado no domingo até o meio-dia, quando teve folga e resolveu ir à praia de Piedade, que era próxima ao seu local de trabalho.

"Ele nunca tinha ido nessa praia e não sabia que havia tubarões. Ele não viu o aviso. Ninguém se joga dentro do mar sabendo que há um tubarão. Foi uma fatalidade", disse Darleide Inácio de Melo.
Natalense estava na Praia de Piedade, região metropolitana de Recife.
Segundo o relato da tia de Pablo Diego, ele já estava na água quando banhistas gritaram alertando para a possibilidade de ataque de tubarão. Porém, ainda de acordo com ela, testemunhas disseram que ele já estava mergulhando quando as pessoas avistaram o tubarão. "Já era tarde", lamentou a tia do natalense.

Morador da praia de Tabatinga, em Nísia Floresta, Pablo Diego é casado e tem cinco filhos. Os familiares aguardam a evolução em seu estado de saúde para que ele possa ser transferido para Natal. Contudo, Pablo Diego segue internado na UTI, entubado e sedado, e o seu estado de saúde é considerado gravíssimo. Ele teve a perna direita amputada e passou por revascularização nos braços.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários