Negócios culturais no Beco

Publicação: 2019-08-10 00:00:00
Ramon Ribeiro
Repórter

A programação artística do Beco da Lama tem instigado novos projetos culturais no Centro da cidade. Mas não só isso. Com o trânsito de pessoas em alta, novas iniciativas empreendedoras também começam a surgir nas adjacências, tanto voltadas para o lado gastronômico, boêmio, como o artístico. É o caso do espaço “Canguleiros Arte Café”, uma pequena galeria que está sendo tocada pelo músico Mirabô Dantas em sociedade com Thiago Cavalcanti. O espaço está localizado no Eldorado Center, loja 16, um corredor que vai do Beco da Lama até a rua Vigário Bartolomeu.

Créditos: Adriano AbreuO colecionador Thiago Cavalcanti e o cantor e compositor Mirabô Dantas abrem galeria de arte e já planejam um café para o espaço e um calendário de exposiçõesO colecionador Thiago Cavalcanti e o cantor e compositor Mirabô Dantas abrem galeria de arte e já planejam um café para o espaço e um calendário de exposições
O colecionador Thiago Cavalcanti e o cantor e compositor Mirabô Dantas abrem galeria de arte e já planejam um café para o espaço e um calendário de exposições

A inauguração da galeria aconteceu  na última sexta-feira (9). A partir de agora os donos da empreitada vão atrás de aperfeiçoar o espaço, deixando-o nos trinques. “Ainda estamos no início. Não estamos fazendo alarde. Falta chegar os equipamentos para que também tenhamos o café”, conta Mirabô em visita rápida da reportagem antes da inauguração. O músico e Thiago Cavalcanti estavam terminando de montar a mostra de inauguração do espaço, composta por pinturas de Newton Navarro, Dorian Gray Caldas, Thomé Filgueira, Fernando Gurgel, Assis Marinho, Marcelus Bob, Thiago Vicente, Novenil, além de esculturas de Jordão e Roberto Brennand, e fotografias de João Maria, Valdeci, Franklin Levi e Eduardo Alexandre.

“Estamos abrindo com essa mostra coletiva. Mas a ideia é funcionar com exposições individuais. A medida que fomos ajeitando as coisas aqui as exposições serão divulgadas. E nossa proposta também é a de promovermos lançamentos de livros, revistas e bate papo. Em breve vamos montar a programação”, comenta Mirabô.

Créditos: Adriano AbreuObra de Dorian Gray integra o acervo da galeiraObra de Dorian Gray integra o acervo da galeira
Obra de Dorian Gray integra o acervo da galeria

O Beco, que é de todos, agora também é do pastel de Tangará. A novidade tem menos de dez dias. Trata-se do Sr. Petita, uma pequena cafeteria, charmosa, ótima para tomar um cafezinho e saborear a legítima iguaria símbolo do Agreste potiguar. O estabelecimento está sendo tocado  pelo jovem casal Luan Medeiros e Bruna Farias.

O local tem uma história curiosa. No ponto funcionou por 50 anos uma bodega pertencente a família de Luan. Os novos donos preservaram o piso e alguns detalhes do espaço. Na visita da reportagem ainda foi possível ouvir um samba que vinha dos fundos da casa. É que os músicos do projeto “Hoje tem samba no Beco” costumam ensaiar às sextas-feiras no lugar – o próprio Luan toca pandeiro no grupo. O Sr. Petita fica na rua Voluntários da Pátria, 672, e funciona de segunda a sexta, das 7h30 às 18h. Nos sábados o movimento vai das 18h às 22h.

Encontro dos Boêmios
Outra novidade é a expansão do bar Encontro dos Boêmios, de Lourenço Sobrinho, no Beco da Lama. As coisas por lá estão bastante movimentadas, tanto que o pequeno local não comporta mais o tanto de boêmio que anda aparecendo. A solução é mudar de lugar. Segundo informações, até o começo de setembro a nova instalação deve estar devidamente em funcionamento. Continuará no Beco da Lama, mas em outro ponto.