No RN, 45% da população não respeitou isolamento social na última semana

Publicação: 2020-04-06 12:09:00
A+ A-
A Secretaria Estadual de Saúde declarou que 45% dos potiguares não cumpriram as medidas de isolamento social na última semana. Com esse número, a projeção é que os casos de coronavírus aumentem exponencialmente e os leitos disponíveis na rede de saúde entre em colapso entre o fim de abril e 15 de maio. Nesta segunda-feira, 6, o secretário Cipriano Maia reforçou que as pessoas precisam ficar em casa.
Créditos: Adriano AbreuIsolamento é respeitado por 55% da população potiguarIsolamento é respeitado por 55% da população potiguar


Até a manhã desta segunda, o Rio Grande do Norte possuía 246 casos e 7 mortes confirmadas da doença. A última estimativa é de que em 30 dias o número de mortes pode chegar a 300.

“Nós lamentamos esse tipo de atitude. É uma atitude de ver para crer. Nós esperamos que as pessoas não esperem ver um ente próximo com um estado crítico para acreditar. Evitem qualquer tipo de contato. Essa é a regra básica que o mundo tem seguido”, afirmou Cipriano Maia.

O controlador-geral do Estado, Pedro Lopes, afirmou que uma inspeção do governo em supermercados neste fim de semana identificou que apesar dos estabelecimentos sinalizarem sobre a importância do distanciamento social, muitas pessoas não cumprem. “Vimos dentro dos supermercados aglomeração de pessoas pegando em um mesmo produto, por exemplo”, disse.

A aglomeração de pessoas tem sido comum em serviços bancários e em alguns centros comerciais. O governo estadual defende que já fez “todos os decretos legais e da competência da governadora” para promover o isolamento social, mas depende dos cidadãos respeitar o momento. “Não vivemos em um estado normal”, defendeu o secretário especial de projetos Fernando Mineiro.

Deixe seu comentário!

Comentários