Nos embalos do ie-ie-iê com muitos hits

Publicação: 2016-12-04 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Reis eternos do ie-ie-iê, a banda Renato & Seus Blue Caps atravessou gerações embalando bailes e festas com canções sobre festas, namoros e desilusões amorosas. O grupo reúne seus 56 anos de carreira em show especial que será realizado no próximo dia 16 de dezembro, no Teatro Riachuelo. Os veteranos vão rememorar variados momentos da Jovem Guarda, o berço do rock/pop no Brasil, e mostrar que o potencial dançante de sua música passou no teste do tempo.
 
DivulgaçãoBanda vem tocar com a formação atual, tendo à frente Renato Barros e Cid Chaves, os originaisBanda vem tocar com a formação atual, tendo à frente Renato Barros e Cid Chaves, os originais


O repertório da banda é um verdadeiro “play list” de canções que não podem faltar em festas nostálgicas ou que citem os anos 60 no Brasil. Entre elas estão “Não te esqueceirei” (versão de “California dreaming”), “Menina linda” (“I should have know better”), “Até o fim” (“You won't see me”), “Escândalo” (“You won't see me”), “Escândalo”, “Feche os olhos”, “A primeira lágrima”, “A dona do meu coração”, “Ana”, “Memórias”, “A garota que eu gosta”, “Meu bem não me quer”, “Tudo que o que sonhei”, e “Porque os sonhos se vão”. Os fãs sabem cantar de cor e salteado.

A banda virá com sua formação atual, Renato Barros e Cid Chaves (os dois membros originais), e os novatos Darci Velasco, Amadeu Signorelli e Gelsinho Morais. Os Blue Caps nasceram como uma típica banda de amigos do bairro. No começo eram os Bacaninhas do Rock da Piedade. O primeiro nome foi censurado e o radialista Jair de Taumaturgo sugeriu o nome definitivo, inspirado no conjunto norte-americano Gene Vincent And His Blue Caps. Tocaram muito no rádio e em programas de televisão da época.

Gravaram o primeiro compacto em 1962 e se notabilizaram principalmente pelas versões que faziam de músicas americanas, italianas ou inglesas – com boa preferência pelos Beatles, a maior influência do ie-ie-iê. Já em 1963 Edson, um dos fundadores, saiu do grupo e iniciou carreira solo com o nome Ed Wilson (já falecido em 2010). Tornaram-se um sucesso se apresentando no programa Jovem Guarda, em shows, festas e bailes.   A partir de 1967 o conjunto se liberou da fase "beatles" e seus integrantes desenvolveram estilo próprio de cantar e de compor. Renato teve composições gravadas por outros artistas, como Roberto Carlos e Leno e Lilian. Hoje a banda segue fazendo muitas apresentações pelo Brasil, principalmente no Nordeste. O público inclui muita gente jovem, interessados na história da música pop nacional.

Serviço:
Renato e Seus Blue Caps – 56 Anos de Carreira. Dia 16 de dezembro, no Teatro Riachuelo. Assinante da TN terá 50% de desconto em até dois ingressos.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários